Ciência-IUL    Autores    Sofia Crisóstomo    Currículo
Resumo CV

Farmacêutica e especialista em Assuntos Regulamentares pela Ordem dos Farmacêuticos. Realizou estudos pós-graduados em farmacoeconomia (ISEG, Univ. de Lisboa) e economia da saúde (Univ. de York). Concluiu o mestrado na área de Estudos do Desenvolvimento (ISCTE-IUL), com uma dissertação sobre a Participação das Pessoas que Vivem com VIH/Sida nas Políticas Públicas de Saúde. Está a concluir o doutoramento em Políticas Públicas (ISCTE-IUL), dedicando-se à análise das políticas e processos de tomada de decisão no âmbito do financiamento público de medicamentos e da participação dos cidadãos. A nível profissional, depois de vários anos de experiência na área farmacêutica, foi assessora parlamentar para as políticas de saúde e do medicamento (2010-2011). Posteriormente dedicou-se à investigação e a projetos de investigação-ação participativos, na área do ativismo político em prol dos direitos das pessoas que (con)vivem com doença. Foi bolseira da FCT entre 2012 e 2015. Co-coordena atualmente o projeto MAIS PARTICIPAÇÃO, melhor saúde, que produziu a Carta para a Participação Pública em SaúdeMembro e Secretária da Assembleia Geral da APC – Associação Portuguesa de Celíacos, membro do GAT – Grupo de Ativistas em Tratamentos e membro da EPI – Associação Portuguesa de Familiares, Amigos e Pessoas com Epilepsia.

Qualificações Académicas
Universidade/Instituição Tipo Curso Período
ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa
Portugal - Lisboa
Mestrado Desenvolvimento, Diversidades Locais e Desafios Mundiais: Análise e Gestão 2010
Unversity of York
Reino Unido - York
Pós-graduação Health Economics for Health Care Professionals 2005
Instituto Superior de Economia e Gestão, Universidade de Lisboa
Portugal - Lisboa
Pós-graduação Avaliação Económica dos Medicamentos 2002
Faculdade de Farmácia, Universidade de Lisboa
Portugal - Lisboa
Licenciatura Ciências Farmacêuticas 1999
Áreas de Investigação
Políticas Públicas
Políticas de Comparticipação de Medicamentos
Participação Pública
Advocacia Política
Envolvimento das Pessoas que (Con)vivem com Doença