Exportar Publicação

A publicação pode ser exportada nos seguintes formatos: referência da APA (American Psychological Association), referência do IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineers), BibTeX e RIS.

Exportar Referência (APA)
Macedo, S. C., Lima, M. J., Neves, J. S. & Miranda, A. P. (2022). Monumentos nacionais: Impactos na abertura ao público na sequência da COVID-19. In Associação Portuguesa de Sociologia (Ed.), XI Congresso Português de Sociologia. Identidades ao rubro: diferenças, pertenças e populismos num mundo efervescente. Lisboa: Associação Portuguesa de Sociologia.
Exportar Referência (IEEE)
S. D. Magrinho et al.,  "Monumentos nacionais: Impactos na abertura ao público na sequência da COVID-19", in XI Congr.o Português de Sociologia. Identidades ao rubro: diferenças, pertenças e populismos num mundo efervescente, Associação Portuguesa de Sociologia, Ed., Lisboa, Associação Portuguesa de Sociologia, 2022
Exportar BibTeX
@inproceedings{magrinho2022_1716511580475,
	author = "Macedo, S. C. and Lima, M. J. and Neves, J. S. and Miranda, A. P.",
	title = "Monumentos nacionais: Impactos na abertura ao público na sequência da COVID-19",
	booktitle = "XI Congresso Português de Sociologia. Identidades ao rubro: diferenças, pertenças e populismos num mundo efervescente",
	year = "2022",
	editor = "Associação Portuguesa de Sociologia",
	volume = "",
	number = "",
	series = "",
	publisher = "Associação Portuguesa de Sociologia",
	address = "Lisboa",
	organization = "Associação Portuguesa de Sociologia",
	url = "https://aps.pt/pt/atas-xi-congresso/"
}
Exportar RIS
TY  - CPAPER
TI  - Monumentos nacionais: Impactos na abertura ao público na sequência da COVID-19
T2  - XI Congresso Português de Sociologia. Identidades ao rubro: diferenças, pertenças e populismos num mundo efervescente
AU  - Macedo, S. C.
AU  - Lima, M. J.
AU  - Neves, J. S.
AU  - Miranda, A. P.
PY  - 2022
CY  - Lisboa
UR  - https://aps.pt/pt/atas-xi-congresso/
AB  - Devido à COVID-19, os Monumentos Nacionais (MN) foram encerrados ao público a 14 de março de 2020,
reabrindo a 18 de maio do mesmo ano. Apresentam-se nesta comunicação os resultados de um inquérito
realizado em 2020 sobre o impacto da pandemia COVID-19 nos MN de Portugal. Este inquérito, o único sobre
o impacto no património imóvel realizado no país, quantitativo, com perguntas de resposta aberta, procurou
identificar que atividades realizaram e que medidas tomaram os MN na sequência do encerramento ao público
e ainda que respostas, que medidas, que políticas se podem então antecipar face às mudanças e que desafios se
colocam a curto e médio prazo. Com esta comunicação pretende-se acrescentar novos dados ao conjunto de
estudos, nacionais e internacionais, de diferentes instituições e organizações, que de algum modo se vêm
debruçando sobre uma ou outra destas duas vertentes, em diversos outros domínios culturais.

ER  -