Ciência-IUL    Comunicações    Descrição Detalhada da Comunicação    Exportar

Exportar Publicação

A publicação pode ser exportada nos seguintes formatos: referência da APA (American Psychological Association), referência do IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineers), BibTeX e RIS.

Exportar Referência (APA)
Carvalho da Silva, V. & Ávila, P. (2021). Nas margens da sociedade educativa. Perfis sociais, práticas e atitudes face à aprendizagem ao longo da vida da população com baixa escolaridade em Portugal. XI Congresso Português de Sociologia.
Exportar Referência (IEEE)
V. P. Silva and P. D. Ávila,  "Nas margens da sociedade educativa. Perfis sociais, práticas e atitudes face à aprendizagem ao longo da vida da população com baixa escolaridade em Portugal", in XI Congr.o Português de Sociologia, online , 2021
Exportar BibTeX
@misc{silva2021_1624411772752,
	author = "Carvalho da Silva, V. and Ávila, P.",
	title = "Nas margens da sociedade educativa. Perfis sociais, práticas e atitudes face à aprendizagem ao longo da vida da população com baixa escolaridade em Portugal",
	year = "2021",
	howpublished = "Ambos (impresso e digital)"
}
Exportar RIS
TY  - CPAPER
TI  - Nas margens da sociedade educativa. Perfis sociais, práticas e atitudes face à aprendizagem ao longo da vida da população com baixa escolaridade em Portugal
T2  - XI Congresso Português de Sociologia
AU  - Carvalho da Silva, V.
AU  - Ávila, P.
PY  - 2021
CY  - online 
AB  - Esta proposta de comunicação resulta de uma investigação que tem o desiderato de contribuir para o
conhecimento e visibilidade do fenómeno dos indivíduos pouco escolarizados que, apesar das iniciativas
implementadas no âmbito da educação e formação de adultos e da aprendizagem ao longo da vida (ALV),
não deixaram de estar nas margens de uma sociedade cada vez mais marcada pela centralidade do
conhecimento e da educação.
Trata-se de um segmento da população que, do ponto de vista da análise sociológica, e também, em certa
medida, da incidência das políticas públicas, tem sido deixado para trás e, por isso, sobre o qual pouco se
conhece (Field, 2006). Esta comunicação visa a divulgação dos resultados da componente extensiva de uma
pesquisa que procura contribuir para superar essa lacuna, no contexto da sociedade portuguesa.
Na ausência de dados especificamente centrados neste segmento da população, procurou-se, através da
análise secundária de ‘microdados’ do Inquérito à Educação e Formação da Adultos (INE, 2016), mapear o
fenómeno e conhecer a sua dimensão, constituição e distribuição em Portugal. Os resultados alcançados
revelam estarmos perante um grupo de dimensão expressiva, de presença transversal na sociedade
portuguesa e diverso. Essa diversidade pode ser captada através da identificação de perfis tipo, aos quais foi
possível chegar através da mobilização de múltiplos indicadores de caracterização social. A análise realizada
permitiu ainda retratar as práticas e as atitudes face à aprendizagem ao longo da vida da população com
baixa escolaridade em Portugal.
Esta comunicação pretende ainda refletir sobre o processo de investigação em curso - apoiado na análise
secundária de microdados - destacando as suas limitações e as suas potencialidades.
ER  -