Artigo em revista científica
A estatística do corpo: antropologia física e antropometria na alvorada do século XX
Madureira, Nuno Luis (Madureira, Nuno Luis);
Título Revista
Etnográfica
Ano
2003
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Abstract/Resumo
Neste artigo procede-se à análise das diferentes tradições científicas da antropometria portuguesa, elucidando o aparecimento de uma estatística do corpo que permite, nos finais do século XIX, fixar as imagens do criminoso-tipo, do criminoso-indíviduo e do criminoso-grupo. O conceito de esvaziamento dos saberes é de seguida introduzido para dar conta do modo de assimilação destes conhecimentos por parte do estado e da transformação de concepções teóricas em procedimentos utilitários e burocráticos. Graças a esse esvaziamento dos saberes, a antropometria deixa de registar as diferenças dos criminosos para passar a descrever a igualdade civil dos cidadãos.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave