Capítulo de livro
Género e Vulnerabilidade: Intervenção com Travestis em Contexto de Prostituição de Rua
Nélson Ramalho (Ramalho, Nélson);
Título Livro
Coming-out for LGBT Psychology in the Current International Scenario
Ano
2013
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Abstract/Resumo
Objetivo: Conhecer vulnerabilidades em saúde das pessoas transgénero (com identidades e performances de género variadas) em contextos prostitucionais de rua, observar conhecimentos, atitudes e práticas de exposição e controlo do risco, e dificuldades e barreiras sentidas no acesso à saúde. Método: Etnografia e observação direta na zona do Conde de Redondo, em Lisboa, onde existe maior visibilidade da prostituição de rua travesti, sendo a acessibilidade facilitada pelo projeto “Trans-Porta” da Associação para o Planeamento da Família, durante 12 meses (Fev.2012- Fev.2013). Resultados: O uso de preservativo é prática presente, existindo desconhecimento sobre a transmissão do VIH/sida e outras IST, e crenças enraizadas relativas à prevenção. A vulnerabilidade socioeconómica, necessidade de angariar clientes e a idealização de relações sexuais mais prazerosas conduzem a práticas de risco. No acesso à saúde verificou-se desconhecimento dos recursos existentes e da forma de lhes aceder. A necessidade de acompanhamento clínico no processo de “transição” (de pessoas transexuais) tornam preocupantes as barreiras a nível organizacional. Conclusão: Esta população apresenta necessidades específicas ao nível da saúde, requerendo-se a implementação de políticas não heterossexistas com valores normativos universalizantes, compatíveis com a lógica social que preside a sua organização. Para a população que exerce trabalho sexual justifica-se a necessidade de uma intervenção multidisciplinar de proximidade com uma abordagem holística e integradora.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave