Relatório
INFORMAÇÃO E DESINFORMAÇÃO SOBRE O CORONAVÍRUS EM PORTUGAL - WhatsApp, Facebook e Pesquisas
José Moreno (Moreno, J.); Ana Pinto-Martinho (Pinto-Martinho, A.); Gustavo Cardoso (Cardoso, G.); Inês Narciso (Narciso, I.); Nuno Palma (Palma, N.); Rita Sepúlveda (Sepúlveda, R.); Miguel Crespo (Crespo, M.); et al.
Ano
2020
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Abstract/Resumo
Este relatório analisa a forma como os portugueses reagiram ao Coronavírus/Covid-19 no período entre 12 e 15 de março de 2020 através das redes sociais e também nas pesquisas online, mas contextualiza essa informação com dados analisados desde fevereiro. São abordadas a partilha de mensagens de desinformação sobre o Coronavírus/Covid- 19 através da rede social WhatsApp, com o objetivo de identificar essas mensagens, o seu nível de viralidade e a sua veracidade ou desinformação, e é feita uma primeira abordagem aos novos grupos de Facebook criados para partilhar informações sobre o vírus/doença, com o qual se procura identificar as ações comunitárias em Portugal. São igualmente analisadas as publicações dos principais media portugueses no Facebook e Twitter, e as interações que geram, bem como o movimentos de agregação de comunidades no Facebook à volta do tema Coronavírus/Covid-19. A atividade online dos portugueses em relação ao tema é complementado com uma análise às pesquisas no Google, de forma a tentar identificar as maiores preocupações dos portugueses perante a pandemia.
Agradecimentos/Acknowledgements
O MediaLab ISCTE-IUL agradece o trabalho dos codificadores: Angela Rijo, Eduardo Acquarone, Fabrício Mattos, Gleice Luz, Livino Neto, Mafalda Dançante, Miguel Paisana, Patrícia Lopes e Susana Peixoto. E o contributo técnico de José Nuno Pereira.
Tipo de Relatório
Relatório anual de projecto internacional
Palavras-chave
informação,desinforação,coronavírus,covid19