Artigo em revista científica
Pode o Tribunal Africano de Justiça e Direitos Humanos ser uma solução africana para problemas africanos?
Rui Garrido (Garrido, R.);
Título Revista
Relações Internacionais
Ano
2017
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Web of Science®

Esta publicação não está indexada na Web of Science®

Scopus

Esta publicação não está indexada na Scopus

Google Scholar

N.º de citações: 5

(Última verificação: 2022-08-08 00:04)

Ver o registo no Google Scholar

Abstract/Resumo
As relações entre o Tribunal Penal Internacional (TPI) e a União Africana encontram-se num ponto de rutura. O TPI é acusado de ter uma postura racista e neocolonialista, perseguindo seletivamente os líderes africanos. Em resposta, a União Africana tem procurado ativamente formas de impedir que o TPI atue no continente, tal como o fortalecimento das instituições judiciárias da União, com a criação de um tribunal penal africano. Este trabalho propõe-se a perceber o trajeto da criação deste órgão, qual pode ser o seu papel no combate à impunidade dos crimes graves no continente africano e que relação futura poderá estabelecer com o TPI.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Tribunal Penal Internacional,União Africana,Tribunal penal africano,Impunidade
  • Ciências Políticas - Ciências Sociais
Registos de financiamentos
Referência de financiamento Entidade Financiadora
UID/CPO/03122/2013 Fundação para a Ciência e a Tecnologia