Ciência-IUL    Publicações    Descrição Detalhada da Publicação    Exportar

Exportar Publicação

A publicação pode ser exportada nos seguintes formatos: referência da APA (American Psychological Association), referência do IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineers), BibTeX e RIS.

Exportar Referência (APA)
Genin, Soraya M. (2017). Tipologia e construção de abóbadas góticas. Práticas da Arquitectura. Abóbadas e cantarias. 3-3
Exportar Referência (IEEE)
S. D. Genin,  "Tipologia e construção de abóbadas góticas", in Práticas da Arquitectura. Abóbadas e cantarias, Lisboa, pp. 3-3, 2017
Exportar BibTeX
@null{genin2017_1571488814003,
	year = "2017"
}
Exportar RIS
TY  - GEN
TI  - Tipologia e construção de abóbadas góticas
T2  - Práticas da Arquitectura. Abóbadas e cantarias
AU  - Genin, Soraya M.
PY  - 2017
SP  - 3-3
CY  - Lisboa
AB  - Esta comunicação apresenta uma análise arquitetónica de abóbadas góticas, desenvolvida no âmbito da tese de doutoramento “Voûtes à nervures Manuélines. Le caractère innovant de João de Castilho”, publicada em 2014.  A partir da análise de quase 1000 abóbadas europeias, em França, Inglaterra, Europa Central, Espanha e Portugal, efetuou-se uma base de dados e criou-se um método de classificação de abóbadas góticas. Conclui-se que a tipologia das abóbadas varia de um país para outro e as suas formas dependem do método de conceção e de construção utilizado.  A partir de levantamentos arquitetónicos, estudou-se a geometria de 43 abóbadas manuelinas, em particular de João de Castilho (c. 1470-1552). Apresentam-se hipóteses de traçado e de construção das abóbadas, utilizando as técnicas de Hernán Ruiz (1500-1569) e de Rodrigo Gil de Hontañón (1500-1577), arquitetos espanhóis contemporâneos. 
ER  -