Ciência-IUL    Comunicações    Descrição Detalhada da Comunicação    Exportar

Exportar Publicação

A publicação pode ser exportada nos seguintes formatos: referência da APA (American Psychological Association), referência do IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineers), BibTeX e RIS.

Exportar Referência (APA)
Costa, P. (2021). A pandemia de COVID-19 como oportunidade para a salvação de um bairro cultural: o Bairro Alto em Lisboa. XI Congresso Português de Sociologia – “Identidades ao rubro: Diferenças, pertenças e populismos num mundo efervescente”.
Exportar Referência (IEEE)
P. M. Costa,  "A pandemia de COVID-19 como oportunidade para a salvação de um bairro cultural: o Bairro Alto em Lisboa", in XI Congr.o Português de Sociologia – “Identidades ao rubro: Diferenças, pertenças e populismos num mundo efervescente”, Lisboa/online, 2021
Exportar BibTeX
@misc{costa2021_1660965048114,
	author = "Costa, P.",
	title = "A pandemia de COVID-19 como oportunidade para a salvação de um bairro cultural: o Bairro Alto em Lisboa",
	year = "2021"
}
Exportar RIS
TY  - CPAPER
TI  - A pandemia de COVID-19 como oportunidade para a salvação de um bairro cultural: o Bairro Alto em Lisboa
T2  - XI Congresso Português de Sociologia – “Identidades ao rubro: Diferenças, pertenças e populismos num mundo efervescente”
AU  - Costa, P.
PY  - 2021
CY  - Lisboa/online
AB  - Em diversos trabalhos anteriores tivemos a oportunidade de analisar em profundidade e discutir a evolução do Bairro Alto (e zonas envolventes) em Lisboa, enquanto bairro cultural, bem como estudar os fatores centrais para a sustentabilidade das dinâmicas criativa nesta área da cidade. Tal como em vários outros bairros com características semelhantes um pouco por todo o mundo, a evolução desta zona ao longo das últimas décadas tem sido marcada por profundas transformações e pelo declínio de grande parte das atividades culturais e dinâmicas criativas que a caracterizaram, asfixiadas perante dos processos de massificação, gentrificação e turistificação da área, que progressivamente foram comprometendo as diversas funções centrais de um bairro criativo. Ao mesmo tempo, a natureza errática e muitas vezes pouco focada do planeamento e das políticas públicas sobre esta área da cidade, tal como aliás, em todo o seu centro histórico, permitiu e até promoveu o avanço dessas dinâmicas, em particular nos anos mais recentes. Neste quadro, as profundas transformações sociais, económicas e culturais associadas à crise de saúde do COVID-19 e ao período pós-pandemia são hoje uma oportunidade única para repensar a trajetória descendente deste bairro enquanto território marcado pela dinâmicas artísticas e culturais e considerar a possibilidade da sua revitalização como centro criativo na cidade.
A partir de um conjunto de entrevistas com moradores e stakeholders locais, este texto apresenta uma reflexão sobre o potencial das transformações ocorridas no período associado à pandemia do COVID-19, bem como da potencial evolução pós-pandemia para a revitalização desta área da cidade, equacionando o papel dos diversos agentes e, em especial, dos poderes públicos, na promoção de uma solução mais resiliente e sustentável para o desenvolvimento dessa área da cidade.

ER  -