Comunicação em evento científico
“A Associação Internacional dos Trabalhadores em Portugal (1870-1873)”
João Lázaro (Lázaro, João.);
Título Evento
I ENCONTRO DE JOVENS INVESTIGADORES EM HISTÓRIA CONTEMPORÂNEA
Ano
2018
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Abstract/Resumo
A década de 70 de oitocentos é marcada por um forte conflito social um pouco por toda a Europa, nomeadamente, com a expansão do movimento operário internacional encabeçado pela AIT e, sobretudo, pelos acontecimentos da Comuna de Paris de 1871. Em Portugal o movimento operário reforça posições com a entrada de novos intelectuais partidários de um socialismo mais “científico” (José Fontana, Azedo Gneco, Antero de Quental, Nobre França, José Tedeschi, etc..), acompanhados por históricos dirigentes da década de 50, mais “utópicos”. Esta nova vaga no movimento operário vai resultar na formação de associações de resistência (caso da Fraternidade Operária) e impulsiona um forte movimento reivindicativo e grevista. É uma geração que tinha com objectivo contactar e participar no movimento operário internacional. Esta comunicação pretende observar a entrada da Associação Internacional dos Trabalhadores (AIT) em Portugal, fazendo parte de uma investigação em curso, onde vamos lançar alguma luz aos contactos realizados entre Portugal, alguns dirigentes máximos da AIT e os internacionalistas espanhóis. E, naturalmente, este contacto é fortemente vincado pelos conflitos internos no movimento operário internacional: as lutas entre o sector ligado a Karl Marx e Bakúnine, o congresso de Haia. Portugal passava também a ser mais outra arena política entre os diversos socialismos presentes na AIT. No entanto, estes contactos também permitem concluir a existência de canais privilegiados de comunicação - por exemplo a correspondência de Engels e os artigos para jornais estrangeiros - que reivindicavam a solidariedade internacional para o movimento grevista português.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Movimento Operário,Internacional em Portugal,Socialismo