Comunicação em evento científico
CADETES NAS ESCOLAS SUPERIORES MILITARES PORTUGUESAS: uma abordagem sociológica
Fernando Bessa (Bessa, F.); Helena Carreiras (Carreiras, Helena); Patrícia Ávila (Ávila, P.); Ana Xavier (Xavier, Ana Isabel);
Título Evento
Portugal Território de Territórios
Ano
2016
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Abstract/Resumo
Pretende-se apresentar os primeiros resultados de uma investigação que será realizada no âmbito do Centro de Investigação de Segurança e Defesa do Instituto Universitário Militar sobre os cadetes das Escolas Superiores Militares Portuguesas, a qual tem como principal objetivo conhecer as suas características sociais, representações institucionais e orientações profissionais. Partiu-se de algumas premissas que consolidaram a vontade de desenvolver tal investigação: primeiro, a existência de um contexto de significativos desafios sociais e económicos na sociedade portuguesa, em particular no âmbito da inserção profissional dos jovens e das oportunidades que se lhes oferecem; segundo, as transformações na natureza das profissões militar e policial, das suas missões e interface, num mundo em que as questões de segurança e defesa readquirem centralidade, perante novas ou reconfiguradas ameaças; terceiro, contribuir para um melhor conhecimento das motivações/razões que levam os jovens a optar por uma profissão militar e policial; quarto, conhecer o quadro de recrutamento das instituições que têm a seu cargo a formação dos futuros profissionais da defesa e da segurança, bem como os perfis sociográficos, orientações valorativas e expectativas daqueles que foram admitidos às Escolas Superiores Militares. Por outro lado, é notória a ausência de estudos sistemáticos sobre este universo nas últimas décadas, ao qual acresce a necessidade de se obter um conhecimento científico que concorra para apoio da elaboração de decisões e políticas de formação num momento em que o ensino superior militar se consolida em termos do modelo geral do país, bem como a necessidade de analisar quem são os futuros responsáveis pela segurança e defesa do país. Concretamente, os dados a apresentar explorarão três dimensões de análise centrais: caraterização social (idade, sexo, situação conjugal, local de nascimento/residência, habilitações literárias, ligações ao meio militar e policial, origem social dos cadetes); representações institucionais (opinião sobre os filhos dos militares/polícias, expectativas, opinião sobre as Forças Armadas e as Forças de Segurança/GNR, vivências e representações quotidianas, satisfação com grandes temas sociais, percepções sobre própria vida, autoavaliação) e orientações profissionais dos cadetes das Escolas Superiores Militares (razões/motivações de concorrer e orientações profissionais).
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Motivações, Polícia, Representações