Artigo em revista científica Q2
Gender and science in Portugal
Lígia Amâncio (Amâncio, L.);
Título Revista
Portuguese Journal of Social Science
Ano
2003
Língua
Inglês
País
Reino Unido
Mais Informação
Web of Science®

Esta publicação não está indexada na Web of Science®

Scopus

N.º de citações: 12

(Última verificação: 2022-06-24 23:17)

Ver o registo na Scopus


: 3.1
Google Scholar

Esta publicação não está indexada no Google Scholar

Abstract/Resumo
The situation of women in science in Portugal stands out as a particular case in international comparisons. The argument of this article is that this case is not so particular after all. To pursue this argument, gender and science is approached in two ways. In the first part historical and social factors that may have contributed to the significant presence of women in science will be discussed. The second part focuses on scientific careers and institutions, especially universities, and aims at unveiling gender processes that have been evidenced by research on gender and science in other countries. Throughout the article, evidence will be presented that shows that despite some specificities pertaining to the rapid process of modernization experienced by Portugal during the last 30 years, science has been institutionalized as a gendered profession.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Careers,Discriminated elite,Gender,Science
  • Outras Ciências Sociais - Ciências Sociais
Registos de financiamentos
Referência de financiamento Entidade Financiadora
POCTI/SOC/38032/2001 Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos artigos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados pelo(s) autor(es) para esta publicação. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.