Capítulo de livro
Planear o sistema alimentar a várias escalas: exemplos da Área Metropolitana de Lisboa
Teresa Marat-Mendes (Marat-Mendes, T.); Raul Lopes (Lopes, R.); João Cunha Borges (Borges, J.C.); Sara Silva Lopes (Lopes, S. S.); Mafalda Pereira (Pereira, M.);
Título Livro
Compêndio de Políticas Urbanas / Compendium of Urban Policies
Ano
2021
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Web of Science®

Esta publicação não está indexada na Web of Science®

Scopus

Esta publicação não está indexada na Scopus

Google Scholar

Esta publicação não está indexada no Google Scholar

Abstract/Resumo
Apesar de assegurar o acesso a bens essenciais, o sistema alimentar não é geralmente contemplado nos instrumentos de planeamento portugueses. No entanto, no sentido da resiliência e da sustentabilidade, a Food and Agriculture Organization (FAO) propõe repensá-lo à escala da cidade-região. Assumindo a precoce descredibilização das políticas de ordenamento do território em Portugal, procura-se neste capítulo apontar como o sistema alimentar pode contribuir para a reforma dessas políticas. Propõe-se um inquérito espacializado às fases do sistema alimentar, partindo da sua expressão no território, aferindo as vantagens de cada escala para repensar um sistema de proximidade, ou uma ‘paisagem alimentar contínua’, que contribua para a resiliência e a auto-suficiência à escala da cidade-região. Exemplifica-se com o modelo proposto na Área Metropolitana de Lisboa (AML). Não sendo possível um levantamento exaustivo de todas as fases do sistema alimentar metropolitano, revisitam-se dois circuitos industriais identificados no Plano Regional de Ordenamento do Território (PROT-AML, 2002), a saber: “Bobadela – MARL – Alverca”, e “Marateca - Pegões”. Partindo da realidade actual destes espaços, procura-se espacializar as fases do sistema alimentar, numa lógica que permitiria salientá-lo em relação aos restantes sistemas metropolitanos.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Urban Planning,Regional Planning,Food system,public policies
  • Ciências da Terra e do Ambiente - Ciências Naturais
  • Outras Ciências Naturais - Ciências Naturais
  • Agricultura, Silvicultura e Pescas - Ciências Agrárias
  • Outras Ciências Agrárias - Ciências Agrárias
  • Economia e Gestão - Ciências Sociais
  • Geografia Económica e Social - Ciências Sociais
  • Outras Ciências Sociais - Ciências Sociais
  • História e Arqueologia - Humanidades
  • Artes - Humanidades
  • Outras Humanidades - Humanidades
Registos de financiamentos
Referência de financiamento Entidade Financiadora
POCI-01-0145-FEDER-016431 PAC2020, FCT

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos artigos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados pelo(s) autor(es) para esta publicação. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.