Editor de livro
Psychological Frailty in Ageing: Lifespan Trajectories and Emerging Risks
Esperanza Navarro-Pardo (Navarro-Pardo, E.); David Facal (Facal, D.); Elzbieta Bobrowicz-Campos (Bobrowicz-Campos, E.);
Web of Science®

Esta publicação não está indexada na Web of Science®

Scopus

Esta publicação não está indexada na Scopus

Google Scholar

N.º de citações: 0

(Última verificação: 2024-05-29 21:22)

Ver o registo no Google Scholar

Abstract/Resumo
In the study of aging, ‘frailty’ is the state that increases the individual's vulnerability to develop dependence and/or increase mortality when exposed to stress factors. In the context of geriatrics and biomedical sciences, the concept of frailty has been operationalized differently, and the most used is the frailty phenotype, characterized by the presence of weight loss, low energy, slow mobility, muscle weakness and/or low level of physical activity. However, different constructs have emerged in recent decades complementing the traditional one of physical frailty. From a biopsychosocial, gerontological perspective, multidimensional and dynamic perspectives that include physical, functional, cognitive, and psychosocial domains (e.g. cumulative deficit model) are more relevant.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
frailty,ageing,lifespan trajectories,multidimensional and dynamic perspective,integrated healthcare
  • Ciências da Saúde - Ciências Médicas
  • Psicologia - Ciências Sociais

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos artigos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados pelo(s) autor(es) para esta publicação. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.