Artigo em revista científica
Women and peacebuilding in Guinea-Bissau
Clara Carvalho (Carvalho, C.);
Título Revista
Conflict Trends
Ano
2019
Língua
Inglês
País
África do Sul
Mais Informação
Abstract/Resumo
Women’s organisations aimed at conflict resolution have been active in Guinea-Bissau in the past decade under the auspices of international and regional bodies, particularly the Economic Community of West African States (ECOWAS) and the United Nations (UN). Guinea-Bissau is a small Western African country of 1.8 million habitants that declared its independence from Portugal in 1973 after a long independent war. The country recent history has been marked by repeated military coups, political assassinations, and the fragility of state institutions. In this article we ask what was the role of women organisations in peacebuilding and conflict resolution in a country marked by a prolonged and systemic political crisis?
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Women,Peacebuilding,Guinea-Bissau
  • Ciências Políticas - Ciências Sociais
  • Antropologia - Ciências Sociais
Registos de financiamentos
Referência de financiamento Entidade Financiadora
UID/CPO/03122/2013 Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos artigos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados pelo(s) autor(es) para esta publicação. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.