Referências nos Media
Diário de Notícias
Do #MeToo a Nuno Lopes
ASSÉDIO Reabre-se o debate perante a acusação contra o ator Nuno Lopes, de que há 17 anos teria "drogado e violado", em Nova Iorque, a guionista A.M. Lukas, o que ele negou imediatamente dizendo-se "incapaz de cometer" tais atos. O processo deu entrada na Justiça americana a poucos dias do fim do prazo para apresentação de queixas ao abrigo do Adult Survivors Act. (comentário de João Oliveira)