Lista de Projetos

Esta é a lista de projetos disponíveis no sistema. Para saber mais detalhes sobre um projeto clique no seu nome ou imagem. Também pode procurar por um determinado projeto na caixa de pesquisa em baixo.



• Blockchains (BC) e Distributed Ledger Technologies (DLT) estão a ser incluídas em diversos cenáriosreais, não só no domínio financeiro, mas também em vários outros, como o da saúde e das cadeias de abastecimento. As características destas tecnologias que fomentam as trocas e transacções entre participantes sem necessidade de uma terceira parte (autoridade central), têm suscitado um interesse crescente na aplicação da tecnologia, a uma vasta gama de problemas organizacionais, inter organizacionais e societais. No entanto, mesmo que se possam antecipar importantes transformações digitais, organizacionais e económicas, o impacto da introdução dessas tecnologias disruptivas não se encontra ainda bem estudado. Este projeto pretende analisar o impacto organizacional e social da inclusão e uso de Blockchain (BC), Distributed Ledger Technologies (DLT) e smart contracts em sistemas de informação. Irão conduzir-se entrevistas, pesquisas, analisar e testar um conjunto de ferramentas BC e DLT, a fim de posicioná-los justificadamente no contexto de modelos de adoção de tecnologia (TAM) existentes. Este projeto está alinhado com a Thematic Line 5 - Digital Transformation do SocioDigital Lab.
Informação do Projeto
2021-10-11
2022-01-10
Parceiros do Projeto
Constitui objetivo da operação realizar um estudo que suporte a definição de estratégias metodológicas para a avaliação de impactos de programas complexos no contexto da implementação dos Fundos Estruturais Europeus de Investimento e, mais amplamente, da política de coesão. O estudo a realizar pretende contribuir para: - A definição de um referencial para apoiar a elaboração de termos de referências para a avaliação de impactos de intervenções complexas tendo por base as metodologias de avaliação baseadas na teoria; - Apoiar a elaboração de orientações metodológicas para uso das equipas de avaliação envolvidas na avaliação do impacto de intervenções complexas no âmbito da implementação dos FEEI; - A capacitação metodológica dos atores envolvidos na avaliação de intervenções apoiadas pelos FEEI, o aprofundamento do debate e a disseminação de conhecimento sobre a mobilização da abordagem baseada na teoria na avaliação de impactos de intervenções complexas. O estudo visa analisar e desenvolver abordagens metodológicas de avaliação referidas à ABT no âmbito da avaliação de impacto de intervenções complexas no contexto da implementação dos FEEI. Entende-se por intervenções complexas as que combinam uma grande diversidade de políticas e instrumentos, envolvem diferentes níveis de implementação e visam uma grande diversidade de impactos no contexto de estratégias integradas de desenvolvimento. O presente projeto apresenta enquadramento nas ações elegíveis previstas no Aviso de abertura de candidaturas b) Estudos sobre Metodologias de Avaliação de Políticas Públicas, permitindo a sua aprovação.
Informação do Projeto
2021-10-01
2022-07-31
Parceiros do Projeto
O envelhecimento demográfico aliado ao aumento progressivo da esperança média de vida e, do alargamento da dependência funcional, constituem necessidades adicionais dos cuidados de saúde em Portugal.  Os assistentes sociais são profissionais que abordam diretamente as preocupações sociais, comportamentais e emocionais da pessoa doente, das suas redes de apoio para garantir uma alta hospitalar com segurança e bem-estar. Apoiam ainda, as estruturas intervenientes, na eficácia organizacional, na disponibilidade de camas para internamentos eletivos ou de urgência e a estandardização da gestão das altas hospitalares (The Health Boards Executive, 2003; Masfret, 2012).  Os serviços de urgência são a principal porta de entrada do Serviço Nacional de Saúde (SNS). Neste contexto há doentes que apresentam, para além da situação clinica, vivenciam momentos de grande fragilidade, ansiedade e angústia. Os motivos/fatores pelos quais é solicitada/sinalizada a intervenção do assistente social podem ser divergentes e dispares, ficando à consideração do bom senso e/ou sensibilidade do profissional que realiza a triagem clínica e/ou o acolhimento no internamento. Do exposto, compreende-se a importância de dispor de um instrumento que garanta que a atuação “dos profissionais se encontre definida e parametrizada para que as necessidades, direitos, e expectativas da pessoa doente venham a ser satisfeitos” (DGS – PNS 2012-2016:8), promovendo o acesso e a equidade aos cuidados sociais. Neste contexto pretende-se incluir a utilização da escala Social Work Admission Assessment Tool (SWAAT) (Boutin-Foster, et al. 2005) no contexto hospitalar português, vindo a permitir aos profissionais de saúde hospitalar a identificação objetiva das necessidades clínicas, funcionais e sociais dos utentes no momento da admissão.   Equipa de Investigação: Maria Inês L.A. Espírito Santo (Assistente Social do CHULC e Investigadora Associada do CIES - ISCTE) Sofia Pinheiro (Médica Internista, CHULC, Adjunta...
Informação do Projeto
2021-10-01
2022-05-31
Parceiros do Projeto
- O desenvolvimento do MAPP-CIES seguindo uma perspetiva compreensiva das políticas públicas (desenvolvidas ao longo de quatro fases, a conceção, o planeamento, a concretização e os resultados) assente na Teoria da Mudança e numa abordagem multimétodo que utilize o método de Avaliação de Impacto Contrafactual, ou outros, na avaliação de impactos;- A construção de um Guião de Orientação MAPP-CIES que sirva de orientação para os futuros avaliadores de políticas públicas, financiadas por fundos europeus ou outras, que indique, para cada dimensão de análise: as questões a responder, as estratégias metodológicas e as limitações que podem ser encontradas e como as contornarem. 
Informação do Projeto
2021-10-01
2022-09-30
Parceiros do Projeto