PHILIA+
PHILIA+
Descrição

ISCTE - IUL e seus parceiros europeus intervem na proteção das crianças!

Nosso objetivo: qualificar melhor aqueles que acompanham crianças e jovens que precisam de proteção.

 

Crianças e jovens desfavorecidos são duramente afetados pela precariedade, pelos processos de institucionalização, pela retirada das famílias biológicas, por fatores sociais ou mesmo étnicos. No entanto, no momento em que a maioria dos jovens sai da casa da família aos 28 anos e encontra seu primeiro emprego permanente aos 32 anos, os jovens acompanhados pelos profissionais de proteção à criança são acompanhados e munidos de competências possibilitadoras de se tornarem adultos independentes aos 21 anos e no momento com a mudança da lei aos 25 anos.

 

Como resultado em Portugal (PORDATA 2017):

- população residente portuguesa (em milhares) - 10.300,3;

- 1 433 156 jovens residentes em Portugal (13,9% da população total);

- 86.154 - Nascimentos em Portugal;

- Taxas de Abandono precoce do sistema escolar - 12,6%

- Estabelecimentos do 1.º ciclo do ensino básico (1.º ao 4.º ano de escolaridade) - 4,208);

- Alunos matriculados no ensino básico (1.º ao 9.º ano de escolaridade) - 1.000.006

- alunos matriculados no ensino médio, 10º ao 12º ano - 399.775;

- Alunos matriculados no ensino superior - 361.943.

 

Se muitos se encontram na rua, é porque, em sua maioria, perdem o rumo e as redes: os assistentes sociais não estão presentes nesta fase da sua vida ou seja não lhes prestam proteção direta e esses jovens não aprenderam a se auto-proteger, nem a desenvolver estratégias de construção da sua rede social de suporte. Sem diplomas, sem apoio financeiro e sem apoio emocional, eles são expostos a riscos viciantes, delinquência e predadores sexuais. Os profissionais que os acompanham devem estar preparados técnicamente para antecipar melhor sua integração social na sociedade.

 

Pesquisa-ação colaborativa em 5 países europeus e 11 parceiros

Os 11 parceiros de 5 países europeus (Alemanha, Bélgica, França, Portugal, Romenia), que enfrentam desafios semelhantes, obtiveram financiamento Erasmus + da Europa para realizar pesquisa-ação colaborativa. O centro de formação Erasme localizado em Toulouse é o promotor deste projeto denominado Philia +.

Em cada um dos 5 países, formadores-pesquisadores desenvolveram um trabalho com jovens acompanhados em instituições de proteção da criança, estudantes em Serviço Social e os profissionais que os acompanham. O projeto é promotor de métodos e recursos educacionais inovadores para uma mudança de formação e intervenção prática de assistentes sociais que acompanham crianças.

A abordagem centrada no desenvolvimento do poder de agir dos indivíduos e comunidades, desenvolvida por Yann Le Bossé,metodologia denominada DPA,  implementada em todas as fases do projeto, a fim de inovar os velhos padrões de assistência (relação assistida / assistente) e ensino clássico (conhecimento / aprendizagem).

No final, o projeto visa produzir um kit educativo, incluindo várias ferramentas inovadoras, incluindo 2 módulos de formação (Abandono escolar e rede). Nosso objetivo é produzir conhecimento aplicável ao ensino de Serviço Social em duas áreas particularmente sensíveis:

- Escolaridade - Luta contra o abandono escolar e reforço do apoio social ;

- Redes - A formação dos assistentes sociais no apoio ao desenvolvimento de redes e no poder de agir dos jovens e dos seus cuidadores (pais, parentes).

O projeto sistematiza conteúdo de formação (ensino à distância, vídeos, forum ...) que estará disponível on-line, sem direitos de autor, até ao outono de 2020.

 

Contactos Portugal :

Coordenador do projeto no ISCTE-IUL

jorge.manuel.ferreira@iscte-iul.pt 


Suporte administrativo e financeiro do projeto no ISCTE-IUL:

rita.gusmao@iscte-iul.pt


Investigadores ISCTE-IUL no projeto

pablo.alvarez@iscte-iul.pt;

maria_joao_pena@iscte-iul.pt;

helena_rocha@iscte-iul.pt

 

PHILIA +  Criação de 4 módulos de formação 

 

O projeto Philia +, financiado pelos fundos europeus Erasmus +, atua na criação de conteúdo de formação, por meio da pesquisa / ação colaborativa. No final, os 11 parceiros dos 5 países produzirão no segundo semestre de 2020 um kit educativo, incluindo:

UM MÓDULO DE FORMAÇÃO - ESCOLA - 150 horas com dimensões teóricas, trabalho pessoal e de contato (5 ECTS)

Objetivo - Ser capaz de apoiar as crianças mais vulneráveis: as de bem-estar infantil

 

Com este módulo de formação, o assistente social desenvolverá sua capacidade de:

 -          Desenvolver uma intervenção em contexto de uma função de mediação cultural e psicossocial entre crianças, famílias e professores ;

 - Identificar e organizar o papel de todos no sucesso academico entre esses atores ;

- Tenha uma boa base científica para dificuldades de aprendizagem ;

- Conhecer as pedagogias adaptadas às necessidades das crianças / jovens com perfil específico ;

- Acompanhar os jovens no processo de conhecimento dos mecanismo sociais determininantes no fracasso escolar ;

- Estabelecer parcerias para fortalecer o conhecimento dos pais para que eles participem do progresso academico de seus filhos ;

- Investimento na escola do assistente social por forma a evitar o risco de abandono escolar de crianças em maior risco social ;

- Apoiar um jovem na sua orientação profissional.

 

MÓDULO DE FORMAÇÃO - REDES - 150 horas com dimensões teóricas, trabalho pessoal e trabalho de campo (5 ECTS)

Objetivo - Saber apoiar, preservar e desenvolver as diversas redes (familiares, cuidadores, profissionais ...) que permitem à criança manter apoio, mesmo em caso de institucionalização.

 

Este módulo fornecerá habilidades e ferramentas aos assistentes sociais:

- Basear-se nas teorias de Granovetter e Goyette (1973 e 2011): o desenvolvimento de redes, teorias e contribuições das antropologias familiares para promover vínculos entre atores de diversas origens culturais e sociais ;

- Contar com uma metodologia positiva baseada no desenvolvimento de recursos, habilidades e potencialidades ;

- Desenvolver uma metodologia de acompanhamento que mantenha os laços familiares em sentido amplo (família e parentes nucleares) ;

- Identificar e entender a dinamica dos sistemas de atividades e o significado da estruturação da dinamica de identidade dos jovens acompanhados (Malrieux) ;

- Apoiar os jovens no desenvolvimento das suas redes pessoais e profissionais.

 

Esses 2 módulos de formação estarão disponíveis em vídeo e e-learning. Também serão criados 2 vídeos em duas populações específicas:crianças estrangeiras não acompanhadas e ciganos.

 

PHILIA +  Parceiros

Os 11 parceiros do projeto Philia

 

Institutos de Formação em Serviço Social :

×          FAIRE-ESS, IRTS Perpignan (Perpignan/France)

×          Le centre de formation Erasme (Toulouse/France)

×          Haute Ecole Bruxelles-Brabant (Bruxelles/Belgique)

×          ISCTE - Instituto Universitario de Lisboa (Lisboa/Portugal)

×          Universitatea Alexandru Ioan Cuza Din Iasi (Iasi/Roumanie)

×          Evangelische Hoschschule Berlin (Berlin/Allemagne)

As estruturas de serviços sociais de proteção da criança :

×          SOS Jeunes – Quartier Libre (Bruxelles / Belgique)

×          ALEFPA (Vernet-Les-Bains / France)

×          Association Retis (Thonon-Les-Bains / France)

×          Qualificar para Incluir (Porto / Portugal)

×          Association Salvati Copiii (Iasi / Roumanie)

 

Informação detalhada em Francês disponível aqui.

Parceiros Internos
Centro de Investigação Grupo de Investigação Papel no Projeto Data de Início Data de Fim
CIES-IUL Família, Gerações e Saúde Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
Parceiros Externos
Instituição País Papel no Projeto Data de Início Data de Fim
CRFMS-Erasme (CRFMS) França Líder 2017-09-01 2020-08-31
Die Evangelische Hochschule Berlin (EHB) Alemanha Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
Haute école de Bruxelles (HEB) Bélgica Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
Université Alexandru Ioan Cuza de lasi (UAIC) Roménia Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
Institut regional du travail social (IRTS) Afeganistão Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
Aide à la jeunesse (AJ) Bélgica Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
ANRAS (ANRAS) França Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
Qualificar para Incluir (QPI) Portugal Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
Salvati copiii lasi (SCL) Roménia Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
Section allemende de la Fédération Internationale des Communautés éducatives (IGFH) Alemanha Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
RETIS (RETIS) França Parceiro 2017-09-01 2020-08-31
Equipa de Projeto
Nome Afiliação Papel no Projeto Data de Início Data de Fim
Álvaro Rebelo CIES-IUL [Sociedade do Conhecimento, Competências e Comunicação] Assistente de Investigação 2017-09-01 2020-08-31
Fernanda Pinheiro CIES-IUL [Sociedade do Conhecimento, Competências e Comunicação] Assistente de Investigação 2017-09-01 2020-08-31
Helena Belchior Rocha CIES-IUL [Política e Cidadania] Investigadora 2017-09-01 2020-08-31
Jorge Manuel Leitão Ferreira CIES-IUL [Política e Cidadania] Coordenador Local 2017-09-01 2020-08-31
Maria João Pena CIES-IUL [Política e Cidadania] Investigadora 2017-09-01 2020-08-31
Pablo Álvarez-Pérez CIES-IUL [Política e Cidadania] Investigador 2017-09-01 2020-08-31
Financiamentos do Projeto
Código/Referência Tipo de Financiamento Entidade Financiadora Programa de Financiamento País Valor Financiado (Global) Valor Financiado (Local) Data de Início Data de Fim
2017-1-FR01-KA203-037320 Contrato Comissão Europeia Erasmus+ Bélgica 307161.76 34735.00 2017-09-01 2020-08-31
Outputs (Publicações)

Não foram encontrados registos.

Outputs (Outros)

Não foram encontrados registos.

Ficheiros do projeto
Tipo de ficheiro Descrição Tamanho Ficheiro
Outro Apoios.pdf 349 KB
Documentação de Suporte PHILIA+.pdf 532 KB

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos projetos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados para este projeto. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.

PHILIA+
2017-09-01
2020-08-31