Capítulo de livro
Agricultura Urbana: Modelos de desenho urbano para um planeamento sustentável
Teresa Marat-Mendes (Marat-Mendes, T.); Sara Silva Lopes (Lopes, S. S.); João Cunha Borges (Borges, J.C.);
Título Livro
Compêndio de Políticas Urbanas / Compendium of Urban Policies
Ano
2021
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Web of Science®

Esta publicação não está indexada na Web of Science®

Scopus

Esta publicação não está indexada na Scopus

Google Scholar

N.º de citações: 1

(Última verificação: 2022-06-25 10:05)

Ver o registo no Google Scholar

Abstract/Resumo
Este fascículo demonstra a importância da expressão territorial da agricultura urbana (AU), enquanto manifestação de ação humana na conceção de espaços verdes produtivos e enquanto ferramenta de análise para a sua caracterização espacial. O seu conhecimento é essencial para agilizar a integração do sistema alimentar em futuros instrumentos de ordenamento do território, potenciando uma desejável transição para um sistema urbano mais sustentável e socialmente inclusivo. Este estudo assenta nos resultados de um levantamento de hortas urbanas (HU) conduzido na Área Metropolitana de Lisboa (AML), no âmbito do Working Project 3 (WP3) – Segurança alimentar e Sustentabilidade - do Projeto ‘SPLACH – Spatial Planning for Change’, conduzido entre 2018 e 2019. Identificam-se aqui os padrões de HU existentes na AML, à luz de indicadores legislativos, espaciais e socioeconómicos. Partindo da pertinência da AU para uma transição sustentável do planeamento urbano e o seu contributo para o sistema alimentar, o presente fascículo procura responder às seguintes questões: (i) Como promover a integração da AU no planeamento urbano?; (ii) Que soluções morfológicas de AU melhor respondem?; e (iii) Que novos modelos e soluções espaciais de HU são as mais adequadas às condições legislativas, espaciais e socioeconómicas necessárias para um planeamento sustentável? Finalmente, destacamos, como principal contributo deste fascículo, a proposta de uma metodologia de integração da prática da AU no planeamento urbano através da criação de (i) Corredores Verdes Contínuos Produtivos e de (ii) Modelos morfológicos de HU compatíveis com especificações espaciais e socioeconómicas necessárias à garantia da Sustentabilidade Urbana.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Argricultura urbana,Área Metropolitana de Lisboa,Hortas Urbanas,Morfologia,Morfologia Urbana,Forma Urbana,Metodologias
  • Outras Ciências Naturais - Ciências Naturais
  • Outras Ciências Agrárias - Ciências Agrárias
  • Outras Ciências Sociais - Ciências Sociais
  • História e Arqueologia - Humanidades
  • Artes - Humanidades
  • Outras Humanidades - Humanidades

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos artigos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados pelo(s) autor(es) para esta publicação. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.