Comunicação em evento científico
O Conde de Rio Maior na presidência da câmara de Oeiras, 1932-1957
Maria Antónia Pires de Almeida (Almeida, Maria Antónia);
Título Evento
III Congresso Internacional de História Local: Conceitos, Práticas e Desafios na Contemporaneidade
Ano
2019
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Abstract/Resumo
João António de Saldanha Oliveira e Sousa, filho do segundo Marquês de Rio Maior, descendente direto do Marquês de Pombal e do Duque de Saldanha, era um engenheiro e Oficial do Exército no Regimento de Artilharia de Costa na Torre de São Julião da Barra, quando foi convidado para vice-presidente da comissão administrativa do Concelho de Oeiras em 1932 e presidente em 1933. Em 1937 foi nomeado presidente da mesma câmara, cargo que ocupou até 1957. A duração do seu mandato ultrapassa em muito a média de 5,3 anos no cargo dos presidentes de câmara entre 1937 e 1974 (Almeida, 2013). O seu percurso é inserido no tema mais vasto dos Municípios e Poder Local e da caraterização dos presidentes de câmara do Estado Novo. Analisa-se aqui a sua atuação como presidente de câmara, e a sua importante contribuição para a modernização e obras públicas no concelho de Oeiras. Tal como a maioria dos presidentes de câmara desta época, João António de Saldanha Oliveira e Sousa continuou a desempenhar as suas funções profissionais, já que “à partida apenas cidadãos abastados se poderiam dar ao ‘luxo’ de dirigir uma autarquia” (Araújo, 2003). Na sua qualidade de Diretor do Serviço de Material do Exército, durante a Segunda Guerra Mundial realizou diversas missões militares à Alemanha, Checoslováquia e Itália para avaliação técnica e receção de material de guerra adquirido pelo Exército Português, inserido no seu plano de rearmamento. Reformou-se em 1971 e faleceu em 23-01-1972. Esta biografia pessoal, profissional e política utiliza diversas fontes, incluindo entrevistas ao seu filho, o Engenheiro Agrónomo João Vicente de Saldanha Oliveira e Sousa, quarto Marquês e Rio Maior e um dos mais importantes profissionais da fruticultura em Portugal, integrado na equipa do Eng. Joaquim Vieira Natividade.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
poder local,Oeiras,Presidente da Câmara,Conde de Rio Maior
  • História e Arqueologia - Humanidades

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos artigos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados pelo(s) autor(es) para esta publicação. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.