Artigo em revista científica Q2
A epidemia de cólera de 1853-1856 na imprensa portuguesa
Título Revista
História, Ciências, Saúde – Manguinhos
Ano
2011
Língua
Português
País
Brasil
Mais Informação
Web of Science®

N.º de citações: 2

(Última verificação: 2019-04-22 19:40)

Ver o registo na Web of Science®

Scopus

N.º de citações: 3

(Última verificação: 2019-04-20 18:17)

Ver o registo na Scopus

Abstract/Resumo
A investigação em curso debruça-se sobre a divulgação da Ciência e da Tecnologia a um público não especializado. A principal fonte utilizada é a imprensa generalista, com a qual se pretende obter uma imagem da popularização da Ciência em Portugal. A trajectória de longa duração dos periódicos escolhidos permite uma continuidade na investigação que nos fornecerá material para a produção de uma análise comparativa do tema entre meados do século XIX e o XX. Considerando a intenção explícita da imprensa do século XIX em formar audiências e espalhar o conhecimento, utilizam-se as notícias, artigos desenvolvidos e anúncios sobre a epidemia de cólera de 1853-56 como um exemplo para avaliar os conhecimentos científicos da época, especialmente sobre prevenção e tratamento, e o modo como estes eram divulgados e usados pela sociedade.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Epidemias, Cólera, Imprensa, Higiene
  • Ciências da Saúde - Ciências Médicas
  • Ciências da Comunicação - Ciências Sociais
  • História e Arqueologia - Humanidades

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos artigos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados pelo(s) autor(es) para esta publicação. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.