Artigo em revista científica
Ensino à distância: comparação entre Blended learning e ensino exclusivamente presencial numa escola de gestão portuguesa
Sara Lopes (Lopes, S. L.); Filomena Almeida (Almeida, F.); Aristides I. Ferreira (Ferreira, A. I.);
Título Revista
Psicologia, Educação e Cultura
Ano
2017
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Títulos Alternativos

(Inglês) Distance education: comparing blended learning and classroom approach in a management Portuguese school

Abstract/Resumo
O crescimento e a expansão da internet vieram trazer transformações tecnológicas no ensino superior em Portugal, que passam pela aposta em modelos de formação à distância, tais como o Online Training. Para serem competitivas, as universidades atualmente têm de desenvolver conteúdos de aprendizagem que sejam difundidos junto de uma audiência muito maior do que aquela que seria possível em contexto exclusivamente presencial. As rápidas mudanças a nível tecnológico afetam tanto as empresas como as universidades, sendo que uma prioridade do ensino superior é desenvolver as competências dos seus alunos para que a transição para o mundo do trabalho seja efetuada com sucesso. No mundo empresarial, as técnicas de ensino à distância são vistas como uma forma de aumentar a competitividade, garantindo que os trabalhadores estão continuamente a aprender e a melhorar as suas competências sem os custos elevados de tempo e deslocações para longe do trabalho. Assim, para as universidades possibilitarem um melhor desenvolvimento profissional dos seus alunos, algumas componentes do ensino cara-a-cara podem ser substituídas por técnicas de formação online, para se ir ao encontro das características e exigências do mundo de trabalho atual. Apesar da sua extrema importância, poucos esforços têm sido feitos para perceber as reais vantagens do Online Training na formação efetiva dos alunos. Este estudo procura contribuir para a literatura existente, comparando resultados de desempenho dos alunos numa unidade curricular, considerando uma abordagem presencial e outra à distância (online training). Foi analisada a performance de 959 estudantes com idades entre os 18 e os 24 anos. A unidade curricular examinada faz parte do currículo de todos os seis cursos que constituem a escola de gestão, tendo como objetivo o desenvolvimento de competências de comunicação profissional. No passado a unidade curricular era lecionada em regime exclusivamente presencial, mas passou por uma restruturação e o Online Training foi implementado . Diferenças significativas foram encontradas nos resultados alcançados pelos estudantes nos diferentes métodos de ensino. A aplicação do modelo de Online Training traduziu-se numa melhor performance dos alunos. Especificamente, os alunos no método Online Training apresentaram melhorias significativas na maioria dos objetivos de aprendizagem da unidade curricular, contrastando com o método de ensino exclusivamente presencial. A presente investigação contribui então com novas evidências empíricas acerca da eficácia da formação à distância, numa amostra constituída por estudantes universitários. O estudo revela que a aplicação do modelo de Online Training melhora a performance dos alunos em unidades curriculares que visam o desenvolvimento de competências profissionais, sendo portanto uma mais-valia a aposta nestes modelos de formação à distância, em combinação com os modelos presenciais.
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Blended learning,Ensino presencial,Gestão,Ensino superior
  • Ciências da Educação - Ciências Sociais
Registos de financiamentos
Referência de financiamento Entidade Financiadora
UID/GES/00315/2013 Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos artigos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados pelo(s) autor(es) para esta publicação. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.