Ciência-IUL    Autores    Nuno de Almeida Alves    Projetos de Investigação
Projetos de Investigação
Inovação na Avaliação de Impacto em Políticas Públicas: contributos para a avaliação da Bolsa Nacional de Alojamento Urgente e Temporário do Plano de Recuperação e Resiliência
O projeto “ImpactPP – Inovação na Avaliação de Impacto em Políticas Públicas” procura identificar e testar métodos inovadores no domínio da avaliação de impacto numa perspetiva eminentemente operacional e empírica. Para tal, irá testar uma abordagem metodológica que terá como objeto a Prioridade de Investimento 08 do PT2020 e respetivas operações de apoio à habitação social, abordagem esta que está ancorada na triangulação de três métodos base (Abordagem Científica da Política, Análise Comparativa Qualitativa e Método de Valoração Contingente). Com esta opção procura-se construir uma metodologia de impacto enquadrada na lógica da «avaliação baseada na teoria» que maximize o potencial da conjugação de três teorias essenciais para a Ciência das Políticas Públicas da atualidade: a Teoria da Programação, a Teoria da Causalidade e a Teoria da Complexidade.
Informação do Projeto
2022-01-01
2022-12-31
Parceiros do Projeto
COhort cOmmunity Research and Development Infrastructure Network for Access Throughout Europe
The aspiration to secure the wellbeing of children and young people is explicit in Grand Challenges such as the UN’s Sustainable Development Goals. The EU has similarly highlighted the importance of securing the future of children and young people. It has become accepted that inequalities must be thought of longitudinally and not regarded as static events unrelated to prior events and future likelihoods. Policy makers must ensure that they base their policy interventions and adjustments on the best evidence available and this must include, inter alia, cohort survey data. COORDINATE will begin to fill the serious and extensive gaps in the availability of robust and suitable data for the monitoring and evaluation of child wellbeing in Europe. The COORDINATE project brings together 22 partners from 14 countries who will initiate the community of researchers and organisations that will drive forwards the coordinated development of comparative birth cohort panel survey research in Europe. COORDINATE will: • Facilitate improved access to international birth cohort panel and cross-sectional survey data • Extend the consortium network to maximise EU and European coverage for a future Europe wide accelerated birth cohort survey • Undertake joint research in the form of a large-scale cohort pilot survey using a harmonised instrument and research design in key European countries The infrastructural community initiated by COORDINATE will benefit from enhanced access to current infrastructural data platforms, and will promote the harmonisation of and improve access to international cohort panel survey data in the study of children as they grow up. COORDINATE continues the research initiated in the FP7 Measuring Youth Well Being project (GA613368) and the H2020 European Cohort Development Project (GA777449) to prepare the next phases of Europe’s first cross-national accelerated birth cohort survey: EuroCohort - Growing Up in Digital Europe (GUIDE).
Informação do Projeto
2021-04-01
2023-03-31
Parceiros do Projeto
Barreiras ao recrutamento nas Forças Armadas
Informação do Projeto
2020-12-03
2021-12-31
Parceiros do Projeto
Vidas Vinculadas: uma abordagem multinível longitudinal e mista ao curso de vida da família
A perspetiva do curso de vida combina uma abordagem rigorosa, crítica, e teoreticamente flexível com temas intrínseca e classicamente sociológicos, por um lado, e com pluralismo metodológico, por outro. Neste projeto ambiciona-se criar e consolidar pontes entre a tradição e o futuro das pesquisas do curso de vida, abordando para tal um dos seus estimados, mas sub-explorados empiricamente, princípios teóricos: o das "linked lives", no qual se baseia a ideia de que ?each generation is bound to fateful decisions and events in the other?s life course?. Usar-seá a família como microcosmos da interdependência dos eventos de vida, por um lado, e dos efeitos cruzados entre os eventos de vida dos membros de uma família, por outro. Numa lógica multidimensional, este projeto pretende responder a questões diferentes mas inter-relacionadas sobre a interdependência dos eventos de um indivíduo ao longo da sua vida (incluindo diferentes esferas de vida) e no interior da sua família (como um todo e direcionado a membros particulares da família). Seguir-se-á uma abordagem quantitativa com base nos dados multinível e longitudinais do EU-SILC, procurando responder a questões relacionadas com os efeitos cruzados entre as esferas da família, do trabalho e do bem-estar. Esta componente europeia, macro e comparativa vai simultaneamente facultar informações acerca da existência e características da especificidade do caso português, úteis para o desenvolvimento posterior e simultâneo da componente qualitativa do projeto. Na investigação qualitativa deste projeto (baseada em fontes primárias, recolha de 80 a 100 entrevistas) pretendese aceder às subjetividades e intencionalidades da ação associadas aos eventos de vida e de família experienciados e seus efeitos, como factor fundamental para a compreensão entre os elos de interdependência entre os eventos e as pessoas da mesma família. Serão desenvolvidas entrevistas biográficas com calendários de vida e árvores genealógicas, que serão sujeitas...
Informação do Projeto
2018-10-01
2022-06-30
Parceiros do Projeto
European Cohort Development Project
The European Cohort Development Project (ECDP) is a Design Study which will create the specification and business case for a European Research Infrastructure that will provide, over the next 25 years, comparative longitudinal survey data on child and young adult well-being. The infrastructure developed by ECDP will subsequently coordinate the first Europe wide cohort survey, named EuroCohort.
Informação do Projeto
2018-01-01
2019-12-31
Parceiros do Projeto
Measuring Youth Well-Being
Informação do Projeto
2014-03-03
2016-09-02
Parceiros do Projeto
  • CIES-Iscte
  • MMU - Líder (Reino Unido)
  • UB - (Alemanha)
  • UPF - (Espanha)
  • IPI - (Croácia)
  • UD - (Hungria)
  • DU - (Letónia)
  • - - (Grécia)
  • TU - (Estónia)
  • UCM - (Eslováquia)
  • CRRC - (Geórgia)
  • EU - (Reino Unido)
  • UCAM - (Reino Unido)
MYPLACE: Memory, Youth, Political Legacy and Civic Engagement
O projecto de investigação MYPLACE procura conhecer o modo como a participação social dos mais jovens é moldada pelas sombras (passadas, presentes e futuras) do totalitarismo e populismo na Europa. No plano conceptual, o objectivo é superar a comparação segmentada das ‘culturas políticas’ nacionais ou das classificações reificadas de heranças políticas (‘pós-comunista’/’liberal-democrática’); localiza-se, antes, na natureza pan-Europeia das diversas tradições filosóficas e políticas populistas e radicais e na natureza cíclica e não nóvel da popularidade de que actualmente gozam. Empiricamente, o projecto MYPLACE irá utilizar uma combinação de instrumentos de pesquisa, inquérito por questionário, entrevistas e observação etnográfica, com vista à disponibilização de informação empírica nova de natureza pan-Europeia, procurando não apenas medir os níveis de participação dos jovens mas igualmente o sentido que estes lhe atribuem. No plano analítico, embora se focalize especificamente na ‘juventude’ e na contextualização histórica e cultural da participação social dos jovens, o projecto MYPLACE visa substituir a muitas vezes abstracta e rotineira repetição das razões do ‘desengajamento’ juvenil em relação à acção política por um mapeamento empiricamente rico do entendimento que os jovens fazem do espaço cívico e político onde habitam. No plano das políticas, o projecto MYPLACE procura identificar os obstáculos e factores facilitadores da reclamação, por parte dos jovens, da arena política Europeia como espaço de direito próprio.
Informação do Projeto
2011-06-01
2015-09-30
Parceiros do Projeto
Estudo exploratório qualitativo sobre os jovens trabalhadores inseridos em trabalhos pouco qualificados
Através deste projecto de investigação de natureza qualitativa procurar-se-á aprofundar o conhecimento acerca da integração da corte populacional entre os 18 e os 34 anos em enquadramentos laborais pouco qualificados e de baixa remuneração. As circunstâncias específicas desta integração laboral deverão ser investigadas em articulação com as dimensões de habilitação escolar, qualificação profissional, regime laboral e características do agregado familiar em quatro concelhos do País de características diferenciadas: Lisboa, Porto, Setúbal e Guimarães.
Informação do Projeto
2010-03-15
2010-10-15
Parceiros do Projeto
A construção de um Arquivo de Dados em Ciências Sociais
O projecto pretende criar um Arquivo de Dados em Ciências Sociais que reúna e organize a informação sobre a sociedade portuguesa resultante da aplicação de inquéritos ou de estudos à opinião pública realizados pela comunidade académica em geral.
Informação do Projeto
2010-03-01
2013-03-30
Parceiros do Projeto
Learn-Tech, Tecnologias da Informação e Comunicação e Aprendizagem
Este projecto de investigação pretende analisar e compreender um aspecto particular da relação entre tecnologia e sociedade. Procura-se investigar a forma como as tecnologias da informação e da comunicação (TIC) estão a ser integradas e utilizadas na escola e nos processos de ensino e aprendizagem no ensino secundário.
Informação do Projeto
2010-02-01
2012-07-31
Parceiros do Projeto
Observatório das Desigualdades
O Observatório das Desigualdades é uma plataforma de recolha, sistematização, investigação, difusão e debate de dados e análises sobre desigualdades sociais contemporâneas, numa perspetiva multidimensional: desigualdades de rendimentos e emprego, de habilitações escolares, qualificações e competências, de classe social, género, étnico-raciais ou etárias, na saúde, habitação, práticas culturais, utilização de novas tecnologias da informação e comunicação, entre outras. Os progressos verificados ao longo das últimas décadas na sociedade portuguesa, a múltiplos níveis, não impediram a persistência de formas tradicionais de desigualdade, enquanto outras surgiram ou tornaram-se mais visíveis e intoleráveis. Além disso, no mundo atual têm cada vez mais importância as desigualdades globais e as suas relações com as desigualdades nacionais ou locais. As desigualdades, por outro lado, não são só parâmetros estruturais das sociedades, mas também objeto de ação individual e coletiva, nomeadamente de movimentos sociais e políticas públicas, com consequências variadas na redução ou acentuação das desigualdades sociais. O Observatório toma todos estes aspetos das desigualdades sociais como objeto da sua atividade. Para além de promover a difusão de informação e o conhecimento científico sobre desigualdades sociais, contribui para o debate público e para a fundamentação e avaliação de políticas públicas com incidências nas desigualdades sociais. A concretização destes objetivos faz-se por meio de um conjunto de instrumentos e atividades, com destaque para o sítio eletrónico “Observatório das Desigualdades”, incluindo também um sistema de indicadores, o aprofundamento de conceitos e métodos, a promoção de conferências, debates e publicações, assim como a realização de projetos de investigação e estudos especializados sobre o tema. O Observatório das Desigualdades é uma estrutura independente constituída no quadro do Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL) do Insti...
Informação do Projeto
2008-10-17
--
Parceiros do Projeto
Os Estudantes e os seus Trajectos no Ensino Superior: sucesso e insucesso, factores e processos, promoção de boas práticas
Os objetivos do projeto foram identificar e analisar percursos-tipo de sucesso, insucesso e abandono dos estudantes no ensino superior, relacionando-os com parâmetros estruturais e institucionais, e procurando encontrar fatores explicativos e identificar boas práticas. O projeto teve âmbito nacional e englobou os diversos subsistemas do ensino superior. A análise desenvolveu-se a três níveis: estrutural, institucional e biográfico, recorrendo a fontes estatísticas, inquéritos extensivos, documentação institucional e entrevistas em profundidade. O projeto inseriu-se no programa “Promoção do Sucesso Escolar e Combate ao Abandono e ao Insucesso no Ensino Superior”, do MCTES, e foi financiado pela FCT. A equipa de investigação foi constituída com base num consórcio entre o CIES-IUL (ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa) e o ISFLUP (Universidade do Porto), contando com a colaboração de diversas instituições do ensino superior e associações de estudantes.
Informação do Projeto
2007-05-14
2008-06-15
Parceiros do Projeto