Capítulo de livro
A intervenção precoce na infância e os contextos de educação de infância
Tânia Boavida (Boavida, T.); Cecília Aguiar (Aguiar, C.); Robert Alexander McWilliam (McWilliam, R. A.);
Título Livro
Teoria, práticas e investigação em intervenção precoce
Ano (publicação definitiva)
2018
Língua
Português
País
Portugal
Mais Informação
Web of Science®

Esta publicação não está indexada na Web of Science®

Scopus

Esta publicação não está indexada na Scopus

Google Scholar

N.º de citações: 21

(Última verificação: 2024-04-14 11:07)

Ver o registo no Google Scholar

Abstract/Resumo
As práticas atualmente recomendadas em Intervenção Precoce na Infância (IPI) refletem o avanço da investigação, quer neste campo específico, quer no campo do desenvolvimento das crianças. O crescente enfoque em práticas centradas na família, nas rotinas/atividades diárias e na funcionalidade implica uma transformação na forma de os profissionais de IPI facultarem os seus serviços, nomeadamente, a passagem de um serviço direto (i.e., de um para um) com a criança para um trabalho colaborativo com os adultos significativos para a criança. Esta transformação não constitui uma tarefa simples, quer quando o interlocutor é a família, quer quando se trata do(a) educador(a) de infância. Partindo do conhecimento disponível atualmente, das práticas recomendadas e da nossa legislação, este trabalho tem como objetivo apresentar um modelo de articulação entre os profissionais de IPI e os(as) educadores(as) de infância, a trabalharem em creches e em jardins de infância. O modelo apresentado tem por base oito passos do processo de Consultoria Colaborativa (Buysse & Wesley, 2005), operacionalizados através das práticas do modelo de Intervenção Precoce Baseada nas Rotinas (McWilliam, 2010).
Agradecimentos/Acknowledgements
--
Palavras-chave
Creche,Jardim de infância,Consultoria colaborativa,Intervenção precoce na infância
  • Psicologia - Ciências Sociais
  • Ciências da Educação - Ciências Sociais
Registos de financiamentos
Referência de financiamento Entidade Financiadora
SFRH/BPD/108571/2015 Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Com o objetivo de aumentar a investigação direcionada para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para 2030 das Nações Unidas, é disponibilizada no Ciência-IUL a possibilidade de associação, quando aplicável, dos artigos científicos aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estes são os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável identificados pelo(s) autor(es) para esta publicação. Para uma informação detalhada dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.