Ciência-IUL    Autores    Helena Carvalho    Projetos de Investigação
Projetos de Investigação
Adaptação e validação de uma versão portuguesa da escala SWAAT (Social Work Admission Assessment Tool)
O envelhecimento demográfico aliado ao aumento progressivo da esperança média de vida e, do alargamento da dependência funcional, constituem necessidades adicionais dos cuidados de saúde em Portugal.  Os assistentes sociais são profissionais que abordam diretamente as preocupações sociais, comportamentais e emocionais da pessoa doente, das suas redes de apoio para garantir uma alta hospitalar com segurança e bem-estar. Apoiam ainda, as estruturas intervenientes, na eficácia organizacional, na disponibilidade de camas para internamentos eletivos ou de urgência e a estandardização da gestão das altas hospitalares (The Health Boards Executive, 2003; Masfret, 2012).  Os serviços de urgência são a principal porta de entrada do Serviço Nacional de Saúde (SNS). Neste contexto há doentes que apresentam, para além da situação clinica, vivenciam momentos de grande fragilidade, ansiedade e angústia. Os motivos/fatores pelos quais é solicitada/sinalizada a intervenção do assistente social podem ser divergentes e dispares, ficando à consideração do bom senso e/ou sensibilidade do profissional que realiza a triagem clínica e/ou o acolhimento no internamento. Do exposto, compreende-se a importância de dispor de um instrumento que garanta que a atuação “dos profissionais se encontre definida e parametrizada para que as necessidades, direitos, e expectativas da pessoa doente venham a ser satisfeitos” (DGS – PNS 2012-2016:8), promovendo o acesso e a equidade aos cuidados sociais. Neste contexto pretende-se incluir a utilização da escala Social Work Admission Assessment Tool (SWAAT) (Boutin-Foster, et al. 2005) no contexto hospitalar português, vindo a permitir aos profissionais de saúde hospitalar a identificação objetiva das necessidades clínicas, funcionais e sociais dos utentes no momento da admissão.   Equipa de Investigação: Maria Inês L.A. Espírito Santo (Assistente Social do CHULC e Investigadora Associada do CIES - ISCTE) Sofia Pinheiro (Médica Internista, CHULC, Adjunta...
Informação do Projeto
2021-10-01
2022-05-31
Parceiros do Projeto
Elaboração da Carta Educativa e do Plano Estratégico Educativo do Concelho de Oeiras
Informação do Projeto
2019-11-01
2020-06-30
Parceiros do Projeto
Les enjeux formatifs de l’interprofessionnalité dans le travail social
Informação do Projeto
2019-11-01
2022-08-31
Parceiros do Projeto
Elaboração do Estudo sobre a Profissão Veterinária em Portugal
O presente projeto visa a colaboração entre a Ordem dos Médicos Veterinário (OMV) e o Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL) do Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) com vista à elaboração de uma Estudo sobre a profissão veterinária em Portugal. Os objetivos do presente estudo são: 1. Sistematizar toda a informação disponível sobre os médicos veterinários em Portugal, com vista a elaborar uma caracterização geral (“Censo Veterinário”). 2. Envolver a OMV no processo de diagnóstico, definição de necessidades e planeamento. 3. Ter um desenho compreensivo que, para além dos instrumentos tradicionais de planeamento das necessidades e do regulamento da profissão, contribua para o desenvolvimento de objetivos específicos da OMV relativamente ao estabelecimento de necessidades em conformidade com as recomendações dos organismos internacionais ligados à medicina veterinária. 4. Construir um plano de trabalho com a respetiva hierarquia de objetivos e prioridades e prevendo-se a calendarização das diversas etapas a percorrer, em que se traduz o carácter estratégico do Projeto.
Informação do Projeto
2019-07-04
2020-01-30
Parceiros do Projeto
Avaliação do Contributo do Portugal 2020 para a Promoção do Sucesso Educativo, Redução do Abandono Escolar Precoce e Empregabilidade dos Jovens para o Programa Operacional Capital Humano
Informação do Projeto
2019-05-13
2020-12-31
Parceiros do Projeto
A escolarização das crianças chinesas em Portugal
A pesquisa pretende analisar o processo de escolarização das crianças chinesas que frequentam escolas básicas do nosso país, nomeadamente, o seu desempenho escolar, comparando-o com o de outros grupos: os alunos autóctones e os alunos com outras origens imigrantes. Tendo por base dados oficiais do Ministério da Educação, comparam-se os resultados obtidos nas provas nacionais estandardizadas por estes grupos de alunos, tendo em conta o perfil social e académico dos mesmos. Para além das diferenças de género, serão tidas em conta as diferenças relativas à naturalidade dos progenitores, o nível de escolaridade atingido por estes e, ainda, a naturalidade e nacionalidade dos alunos chineses.  Os resultados serão discutidos à luz dos mais recentes resultados de pesquisa sobre o desempenho escolar de descendentes de populações de origem chinesa, levados a efeito em diferentes países de diferentes continentes.
Informação do Projeto
2019-02-01
2019-12-31
Parceiros do Projeto
(Des)igualdades nos trajetos escolares dos descendentes de imigrantes
Anualmente, a DGEEC do Ministério da Educação sistematiza a frequência e os resultados escolares obtidos pelos alunos dos ensinos básico e secundário segundo a sua nacionalidade e é possível sabermos que o desempenho escolar (medido pelas taxas de transição e pelo encaminhamento para vias não regulares de ensino) é bastante variável de acordo com a nacionalidade em causa. Não é possível conhecermos o impacto que produz nestes resultados um conjunto de variáveis preditoras dos mesmos, como são as condições socioeducativas dos progenitores, o sexo do aluno ou a composição socioétnica da escola e da turma que frequentam. Serão os efeitos semelhantes para todas as origens nacionais? Que variáveis revelam ser mais decisivas nos resultados obtidos pelos alunos com origem na imigração? Foi possível estabelecer um protocolo entre o CIES-IUL e a DGEEC/MEC que torna possível a disponibilização regular (anual) da informação estatística recolhida pelo MEC no que se refere aos alunos que têm origem na imigração, na forma de micro dados. Com recurso a esta informação, pretende-se responder às questões enunciadas, traçando um retrato da escolarização destas crianças e jovens ao longo da presente década no nosso país.
Informação do Projeto
2019-01-01
2022-12-01
Parceiros do Projeto
Vidas Vinculadas: uma abordagem multinível longitudinal e mista ao curso de vida da família
A perspetiva do curso de vida combina uma abordagem rigorosa, crítica, e teoreticamente flexível com temas intrínseca e classicamente sociológicos, por um lado, e com pluralismo metodológico, por outro. Neste projeto ambiciona-se criar e consolidar pontes entre a tradição e o futuro das pesquisas do curso de vida, abordando para tal um dos seus estimados, mas sub-explorados empiricamente, princípios teóricos: o das "linked lives", no qual se baseia a ideia de que ?each generation is bound to fateful decisions and events in the other?s life course?. Usar-seá a família como microcosmos da interdependência dos eventos de vida, por um lado, e dos efeitos cruzados entre os eventos de vida dos membros de uma família, por outro. Numa lógica multidimensional, este projeto pretende responder a questões diferentes mas inter-relacionadas sobre a interdependência dos eventos de um indivíduo ao longo da sua vida (incluindo diferentes esferas de vida) e no interior da sua família (como um todo e direcionado a membros particulares da família). Seguir-se-á uma abordagem quantitativa com base nos dados multinível e longitudinais do EU-SILC, procurando responder a questões relacionadas com os efeitos cruzados entre as esferas da família, do trabalho e do bem-estar. Esta componente europeia, macro e comparativa vai simultaneamente facultar informações acerca da existência e características da especificidade do caso português, úteis para o desenvolvimento posterior e simultâneo da componente qualitativa do projeto. Na investigação qualitativa deste projeto (baseada em fontes primárias, recolha de 80 a 100 entrevistas) pretendese aceder às subjetividades e intencionalidades da ação associadas aos eventos de vida e de família experienciados e seus efeitos, como factor fundamental para a compreensão entre os elos de interdependência entre os eventos e as pessoas da mesma família. Serão desenvolvidas entrevistas biográficas com calendários de vida e árvores genealógicas, que serão sujeitas...
Informação do Projeto
2018-10-01
2022-06-30
Parceiros do Projeto
Impactos da Redução do Número de Alunos/Turma
Informação do Projeto
2016-11-18
2017-05-17
Parceiros do Projeto
Infeção por VIH entre homens que fazem sexo com homens (HSH): fatores de risco e novas trajetórias de seropositividade
Informação do Projeto
2016-06-02
2016-09-01
Parceiros do Projeto
Internacionalização e desenvolvimento da área de Políticas Públicas de Educação
O objetivo geral do projeto é o desenvolvimento de pesquisa avançada, bem como o reforço e alargamento da oferta educativa na área das políticas públicas de educação e da administração escolar. Por um lado, pretende-se constituir no CIES-IUL uma equipa de referência internacional na área das políticas públicas de educação, com um enfoque particular na área da organização e administração do sistema escolar a nível macro e micro, capaz de competir e liderar projetos a nível internacional. Daí que a primeira tarefa a promover com o presente projeto seja o de implementar, a partir das redes internacionais construídas pelo CIES-IUL e pelos seus investigadores, uma pesquisa de âmbito Europeu sobre “Políticas Educativas e Organização Escolar: objetivos, modelos e desempenhos na Europa”.Por outro lado, pretende-se desenvolver as atividades de ensino, reforçando a área das políticas de educação no mestrado e no doutoramento em políticas públicas e criação de um Doutoramento em Administração e Gestão Escolar.
Informação do Projeto
2016-05-01
2019-04-30
Parceiros do Projeto
Crise, Representação Política e Renovação da Democracia: caso Português no Contexto do Sul da Europa
Antes da crise económica e financeira internacional de 2008 e do seu impacto na Europa, nomeadamente a crise de dívidas soberanas e as políticas de austeridade que se seguiram, os eruditos que estudam as democracias europeias da Europa do Sul concentraram-se nas respetivas consolidações democráticas ou na qualidade da democracia (ver Morlino, 1998, e Gunther, Diamandouros e Phule, 1995). Contudo, as democracias europeias do Sul têm vivido profundas modificações desde a emergência da crise económica e financeira de 2008. Como Matthijs (2014) indica, ‘é ampla a evidência de que a força da democracia liberal na Europa do Sul diminuiu desde 2010, observando-se um enfraquecimento dos direitos civis e políticos, do estado de direito e do funcionamento dos governos’. Claramente que existem mudanças significativas no funcionamento das democracias contemporâneas, especialmente naquelas que tem sofrido políticas de austeridade dolorosas e que perduram. O objetivo deste projeto é examinar estas modificações analisando o caso de Portugal, um dos países da Europa do Sul mais severamente afetado pela crise, tanto numa perspetiva longitudinal como comparativa. É claro que existem respostas diferentes a estes desafios externos e trajetórias distintas de adaptação. Pode considerar-se o caso português como um bom exemplo de um dos problemas mais importantes que as democracias contemporâneas têm de enfrentar, como a perda de confiança dos cidadãos em relação à capacidade das instituições democráticas – particularmente legislaturas, partidos e elites políticas – para resolver problemas e atingir metas coletivas.
Informação do Projeto
2016-04-15
2019-10-14
Parceiros do Projeto
Babies Born Better
Babies Born Better is an international online survey on childbirth experiences. It is an output of the COST Action IS 0907 "Childbirth Cultures, Concerns, and Consequences: Creating a dynamic EU framework for optimal maternity care" and it is currently coordinated by an International Steering Committee. The survey is available in more than 23 languages, having obtained around 40,000 responses in each edition. In Portugal, data is managed and analysed by a multidisciplinary team of researchers from the University Institute of Lisbon: Mário Santos (CIES-IUL), Helena Carvalho (CIES-IUL), Marta Matos (CIS-IUL), Sónia Pintassilgo (CIES-IUL), and Dulce Neves (CIES-IUL). 
Informação do Projeto
2016-03-03
2020-03-03
Parceiros do Projeto
Efeito-escola e efeito-turma nos resultados escolares (4º e 6º anos)
Preside à realização da pesquisa o objetivo de analisar o efeito-escola e o efeito turma  nos resultados atingidos pelos alunos do 4º e 6º ano em provas nacionais (Provas de Aferição de Português e de Matemática).Através do estudo do efeito moderador de diferentes características da escola e das turmas explora-se  a relação entre o perfil social/ origem nacional dos alunos e os resultados obtidos nas referidas provas.  As variáveis escolares contempladas são a composição socio-cultural da escola, as classificações atingidas pela mesma e o grau de homogeneidade das turmas que forma e nas variáveis relativas à turma consideram-se a sua composição sociocultural e académica.Trata-se de uma pesquisa extensiva apoiada em informação estatística recolhida no contexto de uma investigação precedente (“Escolas que fazem melhor”) e que se reporta a um universo e cerca de 60 000 alunos do 4º e do 6ºano da área metropolitana de Lisboa (AML) que realizaram Provas de Aferição em 2009-10. Estes alunos distribuem-se por 778 escolas (615 do 4º ano e 163 do 6º ano) e por 2701 turmas (1508 do 4º ano e 1193 do 6ºano).
Informação do Projeto
2016-02-29
2019-12-31
Parceiros do Projeto
Inquérito Nacional aos Usos do Tempo de Homens e Mulheres
Informação do Projeto
2016-02-15
2016-09-30
Parceiros do Projeto
Measuring Youth Well-Being
Informação do Projeto
2014-03-03
2016-09-02
Parceiros do Projeto
  • CIES-Iscte
  • MMU - Líder (Reino Unido)
  • UB - (Alemanha)
  • UPF - (Espanha)
  • IPI - (Croácia)
  • UD - (Hungria)
  • DU - (Letónia)
  • - - (Grécia)
  • TU - (Estónia)
  • UCM - (Eslováquia)
  • CRRC - (Geórgia)
  • EU - (Reino Unido)
  • UCAM - (Reino Unido)
Redes de Inovação e Emprego Científico
Informação do Projeto
2013-02-15
2014-06-14
Parceiros do Projeto
As Parcerias Internacionais em Portugal: uma análise do impacto das redes científicas na sociedade do conhecimento
O objectivo deste projecto é identificar e caracterizar o impacto do programa de parcerias internacionais (PPI) nas universidades portuguesas. Este programa foi criado em 2006-2007 através do convite a várias universidades norte–americanas (MIT/CMU/UTA) para ajudar a desenvolver algumas universidades em Portugal. As universidades piloto foram escolhidas com base na sua área de especialidade (engenharia, tecnologias da informação e, posteriormente, medicina e gestão), na qualidade da sua investigação, no seu grau de internacionalização e nas suas ligações à indústria. A nossa pesquisa pretende questionar qual o impacto destas iniciativas 1) na mudança organizacional (incluindo grupos de pesquisa não seleccionados), 2) na inovação curricular, 3) no desenvolvimento dos recursos humanos, 4) na mobilidade dos estudantes, 5) nas colaborações universidade-indústria.
Informação do Projeto
2012-01-15
2015-01-14
Parceiros do Projeto
PISA 2000-2009 – Perfis e Tendências
O PISA tem como principal objectivo medir competências, conhecimentos e atitudes em áreas consideradas chave ou fundamentais, atendendo às mudanças em curso nas sociedades actuais, distinguindo-se, assim, das avaliações de âmbito escolar que cada país leva a cabo regulamente.
Informação do Projeto
2011-04-06
2012-03-30
Parceiros do Projeto
Desenvolvimento Científico e Inovação Empresarial
Este projecto tem como objectivo geral contribuir para um conhecimento substantivo e aprofundado sobre este problema. Assim, a questão central e o fio condutor da investigação é o desenvolvimento científico nos Laboratórios Associados – esta escolha do objecto empírico está devidamente fundamentada no ponto de ”Plano e Métodos” – e a sua contribuição para promover a inovação tecnológica nas empresas. Para estudar esta questão, uma atenção particular será dada às seguintes dimensões de análise: as formas de produzir e organizar a actividade científica nos laboratórios, a vida científica dos investigadores e os valores que orientam a sua actividade, os tipos de financiamento da ciência (público/ privado) e o seu impacte nas carreiras dos cientistas, nas modalidade de transferência do conhecimento para as empresas, assim como na internacionalização da ciência.
Informação do Projeto
2011-03-15
2014-09-14
Parceiros do Projeto
MP3 - Medir percursos de 3 gerações
Informação do Projeto
2011-01-01
2012-01-01
Parceiros do Projeto
Evasão Fiscal, Evitamento Fiscal e Cumprimento Fiscal: Factores Individuais, Económicos e Sociais
Informação do Projeto
2010-01-01
2012-12-31
Parceiros do Projeto
Impacte do nível de escolarização (básico e secundário) na empregabilidade juvenil: Portugal no contexto europeu
Informação do Projeto
2009-09-01
2010-12-31
Parceiros do Projeto
Nutrição, Dietética e Alimentação: um campo profissional em construção
O trabalho de investigação visa realizar uma análise do campo profissional dos licenciados e profissionais das áreas da nutrição e alimentação em Portugal, em particular ao nível das áreas formativas e profissionais da nutrição, da dietética e da engenharia alimentar.O estudo contempla uma análise da oferta formativa disponível em Portugal na área em questão, da actividade dos respectivos profissionais no mercado de trabalho e do movimento associativo que caracteriza esta esfera de actividade profissional.Perspectiva-se, neste sentido, desenvolver uma reflexão acerca do campo profissional e associativo da nutrição e alimentação em Portugal.
Informação do Projeto
2008-01-01
2008-09-30
Parceiros do Projeto
Trajectórias Familiares e Redes Sociais: percursos de vida numa perspectiva intergeracional
Este projecto tem como objectivos: (1) Por um lado, reconstituem-se as trajectórias familiares de homens e de mulheres portugueses de diferentes gerações, investindo numa perspectiva de análise do curso de vida. Observa-se a configuração e a diversidade das trajectórias, considerando os momentos de viragem biográfica relevantes na história familiar e pessoal do indivíduo. (2) Por outro, analisa-se o impacto dessas trajectórias na rede de relações familiares e sociais dos indivíduos.
Informação do Projeto
2007-09-02
2011-11-30
Parceiros do Projeto
Os Estudantes e os seus Trajectos no Ensino Superior: sucesso e insucesso, factores e processos, promoção de boas práticas
Os objetivos do projeto foram identificar e analisar percursos-tipo de sucesso, insucesso e abandono dos estudantes no ensino superior, relacionando-os com parâmetros estruturais e institucionais, e procurando encontrar fatores explicativos e identificar boas práticas. O projeto teve âmbito nacional e englobou os diversos subsistemas do ensino superior. A análise desenvolveu-se a três níveis: estrutural, institucional e biográfico, recorrendo a fontes estatísticas, inquéritos extensivos, documentação institucional e entrevistas em profundidade. O projeto inseriu-se no programa “Promoção do Sucesso Escolar e Combate ao Abandono e ao Insucesso no Ensino Superior”, do MCTES, e foi financiado pela FCT. A equipa de investigação foi constituída com base num consórcio entre o CIES-IUL (ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa) e o ISFLUP (Universidade do Porto), contando com a colaboração de diversas instituições do ensino superior e associações de estudantes.
Informação do Projeto
2007-05-14
2008-06-15
Parceiros do Projeto
Profissionais em Tecnologias da Informação e da Comunicação: Educação, Tecnologia e Desenvolvimento Informacional
A escassez de profissionais em TIC tem vindo a ser crescentemente mediatizada pelo poder político, quer ao nível nacional quer ao nível europeu, enquanto elemento condicionador da competitividade e crescimento da economia.
Informação do Projeto
2005-07-01
2009-12-31
Parceiros do Projeto
Mercado de Trabalho e Qualificações da População Activa em Portugal, 1991-2001
O estudo da relação entre os sistemas de qualificação e os sistemas de regulação formal e informal do mercado de trabalho em Portugal é o principal objectivo deste projecto. A hipótese de partida da investigação estabelece que, em sectores de actividade económica específicos, a inexistência de mecanismos e instrumentos de regulação do mercado de trabalho exigentes do ponto de vista das qualificações formais tem como efeito não coagir os sistemas de qualificação formal a terem uma melhor performance. Este projecto de investigação visa caracterizar os modos de recrutamento e inserção no mercado de trabalho de grupos com diferentes níveis de qualificação e analisar de que forma estes são afectados desigualmente por fenómenos como o trabalho precário, o desemprego e a própria evolução das formas de organização do trabalho; caracterizar os factores que condicionam a actual performance do sistema educativo português e a incidência de fenómenos como a repetência e o abandono escolar, nomeadamente antes do termo da escolaridade obrigatória.
Informação do Projeto
2005-01-02
2008-03-30
Parceiros do Projeto
A Modernização das Estruturas Sociais
Pretende-se com este projecto colmatar significativas lacunas de conhecimento que se verificam a propósito de uma questão tão decisiva como é a dos processos de modernização da sociedade portuguesa contemporânea. O objectivo central é proceder a uma análise sociológica, elaborada no plano teórico e solidamente suportada no plano da evidência empírica, dos processos de reconfiguração das estruturas sociais que atravessam actualmente a sociedade portuguesa.
Informação do Projeto
1997-05-15
2000-11-30
Parceiros do Projeto