Ciência-IUL    Autores    Sibila Marques    Projetos de Investigação
Projetos de Investigação
RIPDA_Portugal
Como parte do projeto RIDPA (Pesquisa Internacional sobre os Direitos do Idoso em uma pandemia COVID-19), a rede REIACTIS (Rede de Estudos Internacionais sobre Idade, Cidadania e Integração Socioeconômica) tem o prazer de reunir 18 países de 4 continentes para estudar o impacto da COVID-19 nos direitos humanos das pessoas idosas. Nesse contexto, propõe-se uma cooperação que configuraa a fase 1 do projeto (desenvolvimento de um perfil nacional apresentando políticas públicas, 10 entrevistas e uma análise na imprensa em três meios escritos).
Informação do Projeto
2021-04-15
2022-12-31
Parceiros do Projeto
INter-sectoral Health Environment Research for InnovaTions
O Centro de Investigação e Intervenção Social do ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa é um dos parceiros do “Inherit” , um projeto internacional a que foi atribuído em agosto seis milhões de euros dos fundos europeus Horizonte 2020 para estudar boas práticas que permitem defender simultaneamente a saúde e o ambiente. O consórcio que o ISCTE integra é liderado pelo organização não-governamental belga EuroHealthNet e tem a coordenação científica da University College London, onde pontua Michael Marmot, o professor de epidemiologia e saúde pública que é uma referência mundial na área das desigualdades em saúde. O projeto é coordenado no CIS-IUL pela investigadora Sibila Marques e fazem parte da equipa a Prof. Maria Luísa Lima e as investigadoras Cristina Godinho e Sílvia Luís. É um projeto de quatro anos que irá estudar experiências europeias que promovem a saúde das comunidades e que, ao mesmo tempo, são ambientalmente sustentáveis. O movimento Re-Food, lançado na região de Lisboa, e as hortas sociais que florescem por Portugal inteiro são alguns dos casos considerados mais interessantes para serem estudados e reproduzidos noutros países.
Informação do Projeto
2016-01-01
2019-12-31
Parceiros do Projeto
Social Innovation on active and healthy ageing for sustainable economicgrowth
The general aim of SIforAGE project will be to strengthen the cooperation mechanisms and tools among the stakeholders working along the value chain of active and healthy ageing, with the aim of improving the performance of the European Union competitiveness and growth, through research and innovative products for more and better lives. The objective is change minds and attitudes for a new vision of ageing. This new way of understanding ageing has been embraced under the concept of “active and healthy ageing” (AHA), as an inclusive term to framework the transformation of ageing vision. The specific objectives addressed in the project will be: 1. To develop the supporting tools and mechanisms for the Social Innovation Incubator on AHA 2. To engage and empower society and civil society organisations in research on AHA. 3. To introduce evidence-based policymaking, through training activities with policymakers, to address future shaping of ageing research programmes and funding schemes 4. To raise awareness among the scientific community on the importance of social responsibility and ethics in ageing research, and offer practical guidance on how to address them. 5. To analyse and improve the existing mechanisms for accessing the market of innovative products and solutions for older people 6. To actively involve the wide range of stakeholders of the value chain and spread knowledge generated along the project duration The consortium involved in the project is compounded of 20 different partners at EU and International level, representing a remarkable well-balanced consortium with complementary backgrounds and expertise and representing different stakeholders along the value chain of ageing research, from universities, civil society organisations, final users groups, think tanks, public administrations, technology research centers and companies.
Informação do Projeto
2012-11-01
2016-12-31
Parceiros do Projeto