Ciência-IUL    Autores    Teresa Seabra    Projetos de Investigação
Projetos de Investigação
Trajetória escolar, académica e profissional de jovens brasileiros, ucranianos e chineses
Este estudo pretende compreender de forma aprofundada a realidade escolar, académica e profissional experienciada por jovens brasileiros, ucranianos e chineses a viver em um dos três dos munícipios onde as comunidades imigrantes em Portugal estão mais representadas: Lisboa, Sintra e Odivelas. Esta abordagem permitirá comparar e entender como as biografias de vida destes jovens são configuradas segundo a sua origem nacional, género, e classe social. Pretende-se ainda analisar as políticas públicas e as acções e práticas desenvolvidas na integração destes jovens em Portugal. A metodologia inclui dados estatísticos secundários e entrevistas qualitativas, de modo a entender as dinâmicas de integração social experienciadas por estes jovens, e as diferenças dessas mesmas experiências segundo contextos sociais e culturais distintos. Equipa: Sofia Gaspar (Coord.), Madalena Ramos, Teresa Seabra, Ana Raquel Matias e Renata Carone. Consultores: Simeng Wang, José Carlos Marques, Juliana Iorio.
Informação do Projeto
2020-12-01
2022-11-30
Parceiros do Projeto
Raising Capacity for Inclusive People engaged in private sponsorship
Informação do Projeto
2020-12-01
2023-11-30
Parceiros do Projeto
Estudo sobre o impacto da ação do Projeto eTwinning na comunidade escolar
O Projeto eTwinning deverá centrar-se ao nível:(i)da  motivação  de  alunos  e  professores,  ao  participarem  em  projetos europeus/nacionais colaborativos;(ii)dos resultados escolares obtidos pelos alunos; (iii)do desenvolvimento de competências;(iv) da compreensão dos processos de alargamento das metodologias/práticas pedagógicas   associadas   ao   envolvimento   dos   docentes   em   projetos eTwinning, a outros docentes nas suas comunidades.3.Aspetos Metodológicos:(i)acesso   de   investigadores   designados   pelo   segundo   outorgante   à plataforma   etwinning,   com   um   perfil   de   professor,   para   poderem compreender  o  funcionamento  da  mesma,  sendo  os  registos  e  acessos eliminados após a conclusão do estudo;(ii)realização de entrevistas aos embaixadores do projeto (n=11);(iii)realização  de  4  (quatro)  estudos  de  caso  (aplicação  de  questionários, realização  de  entrevistas  aos  atores  envolvidos: professores,  alunos, encarregados de educação -e análise documental);(iv)produção   de   documentos   de   divulgação   em   formato   infográfico, associados aos relatórios;(v)redação de relatórios de avaliação (um intermédio e outro final);(vi)produção de   documentos fundados em investigação empírica e conhecimento científico(vii)avaliação do impacto e produção de relatórios correspondentes.
Informação do Projeto
2020-11-24
2021-08-23
Parceiros do Projeto
Avaliação do Contributo do Portugal 2020 para a Promoção do Sucesso Educativo, Redução do Abandono Escolar Precoce e Empregabilidade dos Jovens para o Programa Operacional Capital Humano
Informação do Projeto
2019-05-13
2020-12-31
Parceiros do Projeto
A escolarização das crianças chinesas em Portugal
A pesquisa pretende analisar o processo de escolarização das crianças chinesas que frequentam escolas básicas do nosso país, nomeadamente, o seu desempenho escolar, comparando-o com o de outros grupos: os alunos autóctones e os alunos com outras origens imigrantes. Tendo por base dados oficiais do Ministério da Educação, comparam-se os resultados obtidos nas provas nacionais estandardizadas por estes grupos de alunos, tendo em conta o perfil social e académico dos mesmos. Para além das diferenças de género, serão tidas em conta as diferenças relativas à naturalidade dos progenitores, o nível de escolaridade atingido por estes e, ainda, a naturalidade e nacionalidade dos alunos chineses.  Os resultados serão discutidos à luz dos mais recentes resultados de pesquisa sobre o desempenho escolar de descendentes de populações de origem chinesa, levados a efeito em diferentes países de diferentes continentes.
Informação do Projeto
2019-02-01
2019-12-31
Parceiros do Projeto
(Des)igualdades nos trajetos escolares dos descendentes de imigrantes
Anualmente, a DGEEC do Ministério da Educação sistematiza a frequência e os resultados escolares obtidos pelos alunos dos ensinos básico e secundário segundo a sua nacionalidade e é possível sabermos que o desempenho escolar (medido pelas taxas de transição e pelo encaminhamento para vias não regulares de ensino) é bastante variável de acordo com a nacionalidade em causa. Não é possível conhecermos o impacto que produz nestes resultados um conjunto de variáveis preditoras dos mesmos, como são as condições socioeducativas dos progenitores, o sexo do aluno ou a composição socioétnica da escola e da turma que frequentam. Serão os efeitos semelhantes para todas as origens nacionais? Que variáveis revelam ser mais decisivas nos resultados obtidos pelos alunos com origem na imigração? Foi possível estabelecer um protocolo entre o CIES-IUL e a DGEEC/MEC que torna possível a disponibilização regular (anual) da informação estatística recolhida pelo MEC no que se refere aos alunos que têm origem na imigração, na forma de micro dados. Com recurso a esta informação, pretende-se responder às questões enunciadas, traçando um retrato da escolarização destas crianças e jovens ao longo da presente década no nosso país.
Informação do Projeto
2019-01-01
2022-12-01
Parceiros do Projeto
Growing in uRban educatIon and diversiTy
 The GRIT project focuses on fostering educational equity in urban educational settings. It addresses two main target groups: (1) indirectly: urban students threatened by early school leaving, and (2) directly: in-service educational professionals which are involved in teaching in urban settings. This project chooses to focus on the matter of early school leaving since urban educational systems are particularly vulnerable to problems associated with early school leaving. This project aims at developing a growth mindset for teachers' and teams of educational professionals in urban settings, and at enabling teachers to develop their students' growth mindset. The GRIT-project will design (a) a toolkit for teachers to practice growth mindset in order to develop their students' growth, (b) a guideline (protocol) for teachers to increase students’ resilience, (c) a hand-on training for teams of educators to learn this pedagogical & innovative approach, (d) a guideline (protocol) to train teams of educational professionals how to implement the 'growth mindset approach', and (e) an e-book for different stakeholders involved in the struggle against ESL. Through concrete experimentations in 5 European countries gathering different background and with partners addressing different kind of educators, the GRIT project will allow to enhance this innovative and  "bottom-up approach" among these key actors to struggle against Early School Leaving. Joana Alexandre (an assistant professor at ISCTE-IUL and a full member at CIS-IUL), Cecília Aguiar (an assistant professor at ISCTE-IUL and a senior researcher at CIS-IUL), Lígia Monteiro (an assistant professor at ISCTE-IUL), Teresa Seabra (a senior lecturer in Sociology of Education), and Inês Alves (a research assistant) are part of the GRIT project 
Informação do Projeto
2018-09-01
2021-02-28
Parceiros do Projeto
Brasileiros na escola portuguesa: experiências e trajetos
 Objetivos - Conhecer a experiência e o trajeto escolares de alunos descendentes de imigrantes brasileiros que frequentam o ensino básico português - Analisar o ambiente relacional vivenciado por estes alunos (permeabilidade a eventuais práticas de discriminação) - Avaliar a participação das famílias no processo de escolarização dos filhos
Informação do Projeto
2017-10-02
2020-06-30
Parceiros do Projeto
Pre and Post – Arrival Schemes to facilitate inclusion and prevent xenophobia and radicalization
O projeto PandPAS centra-se no apoio posterior à chegada para a integração de pessoas com necessidade de proteção internacional. Simultaneamente, produz ferramentas para atividades anteriores à partida e práticas piloto para promover a inclusão e a participação ativa de nacionais de países terceiros na sociedade em geral. O projeto resulta de experiências das regiões italiana, croata e eslovénia onde existem "hubs" grandes ou médios. Também faz uso da abordagem portuguesa em termos do “acolhimento e integração generalizados" e da experiência cipriota no campo do empreendedorismo social para a inclusão de nacionais de países terceiros.  
Informação do Projeto
2017-10-01
2019-09-30
Parceiros do Projeto
Projeto Educativo Municipal de Odivelas
O Projeto Educativo Municipal do concelho de Odivelas constitui um instrumento de planeamento estratégico que envolve todos os níveis e modalidades da educação e formação, permitindo construir uma visão comum dos desafios educativos no curto, no médio e no longo prazo, bem como das oportunidades e recursos que se podem desenvolver e potenciar, tal como das dinâmicas, externas e internas, que condicionam a oferta de um serviço educativo de qualidade para todos os que integram o território. O documento é composto i) pelo Diagnóstico socioeducativo (análise das principais forças, fraquezas, ameaças e oportunidades) e ii) pela definição dos eixos estratégicos de ação e operacionalização do plano de ação.    Para a elaboração do PEM Odivelas seguiu-se uma estratégia metodológica múltipla, que incluiu a análise documental e de indicadores estatísticos, assim como a análise qualitativa de um conjunto de entrevistas (individuais ou em grupos focais) que reuniram no total 90 participantes.
Informação do Projeto
2017-03-20
2017-10-19
Parceiros do Projeto
A diferença que a escola pode fazer: o sucesso escolar no concelho de Almada (4º e 6º ano)
Presidiram à realização da pesquisa três objetivos: (i) avaliar a evolução dos resultados obtidos pelas escolas do concelho de Almada, no que respeita aos alunos do 4º e 6º ano de escolaridade, ao longo de 5 anos (de 2019/10 a 2014/15) em provas nacionais; (ii) conhecer as escolas do concelho que se destacam pelo potencial que revelam em produzir mais-valia educativa, ou seja, que conseguem, com populações escolares socialmente semelhantes, fazer com que os seus alunos obtenham melhores resultados nas provas nacionais e (iii) identificar as variáveis organizacionais que sustentarão esse bom desempenho das escolas em causa.  Faz-se uso de uma metodologia multimétodo, ao combinar-se uma abordagem extensiva com outra de caráter intensivo. A primeira sustenta-se na análise de duas bases de dados cedidas pela Direção Geral de Estatísticas da Educação e Ciência (DGEEC), respeitantes aos anos letivos de 2009/10 e de 2014/15, ao 4º e ao 6º ano de escolaridade e a segunda consubstancia-se na realização de quatro estudos de caso (dois estudos de caso comparativos, sendo um por ciclo de escolaridade).
Informação do Projeto
2017-01-13
2017-11-12
Parceiros do Projeto
Efeito-escola e efeito-turma nos resultados escolares (4º e 6º anos)
Preside à realização da pesquisa o objetivo de analisar o efeito-escola e o efeito turma  nos resultados atingidos pelos alunos do 4º e 6º ano em provas nacionais (Provas de Aferição de Português e de Matemática).Através do estudo do efeito moderador de diferentes características da escola e das turmas explora-se  a relação entre o perfil social/ origem nacional dos alunos e os resultados obtidos nas referidas provas.  As variáveis escolares contempladas são a composição socio-cultural da escola, as classificações atingidas pela mesma e o grau de homogeneidade das turmas que forma e nas variáveis relativas à turma consideram-se a sua composição sociocultural e académica.Trata-se de uma pesquisa extensiva apoiada em informação estatística recolhida no contexto de uma investigação precedente (“Escolas que fazem melhor”) e que se reporta a um universo e cerca de 60 000 alunos do 4º e do 6ºano da área metropolitana de Lisboa (AML) que realizaram Provas de Aferição em 2009-10. Estes alunos distribuem-se por 778 escolas (615 do 4º ano e 163 do 6º ano) e por 2701 turmas (1508 do 4º ano e 1193 do 6ºano).
Informação do Projeto
2016-02-29
2019-12-31
Parceiros do Projeto
Trovoada de Ideias: Inclusão Linguístico-social dos Estudantes dos PALOP no Ensino Superior Português
O projeto parte de dois diagnósticos aplicados a estudantes e professores de Instituições de Ensino Superior (IES) portuguesas, sobre inclusão académica de estudantes vindos de Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), em duas instituições: Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal (2013) e ISCTE-IUL (2016). Em ambos os diagnósticos, foi clara a necessidade de adotar estratégias e instrumentos de promoção da inclusão de estudantes internacionais dos PALOP, nomeadamente de produzir e testar materiais para aprofundar as suas competências linguístico-comunicativas para fins académicos e em diferentes variedades da língua portuguesa. Por um lado, competências de compreensão oral e escrita do português europeu utilizado nas IES portuguesas; por outro, competências de produção de textos orais e escritos exigidos pela atividade académica em qualquer língua e respetivas variedades. Projetos anteriores no ISCTE-IUL e noutras IES portuguesas têm apontado no mesmo sentido, mas sem o aprofundamento da problemática sociolinguística central neste projeto.   O projeto de investigação-ação assume duas necessidades fundamentais. Em primeiro lugar, promover um conhecimento mais aprofundado sobre os repertórios linguísticos comunicativos e competências de cada estudante, por duas vias:  a) reconhecendo as variedades africanas da língua portuguesa e os contextos sociolinguísticos de cada país de origem (as quais constituem normas legítimas formalmente reconhecidas pela Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) em 2010, 2013 e 2016 (Planos de Ação de Brasília, de Lisboa e de Díli); b) promovendo um conhecimento mais informado das diferenças entre os sistemas educativos nos países de origem e o ensino superior no país de acolhimento, considerando as práticas escolares anteriores dos estudantes ao longo de 12 anos de escolaridade em português língua materna (L1) ou língua segunda (L2). Em segundo lugar, assumimos a necessidade de identifi...
Informação do Projeto
2016-01-01
2020-12-31
Parceiros do Projeto
Sono e Desempenho Escolar
O principal objectivo da pesquisa é o de analisar a relação entre a duração e a qualidade o sono das crianças/jovens e o seu desempenho escolar. Para o efeito, controla-se o efeito de outras variáveis que já demonstraram produzir efeito significativo nos resultados escolares: a condição social da família, a participação desta na escolaridade, a relação do aluno com a aprendizagem, a reacção dos professores em situação de dificuldade e a composição (social e académica) da turma que frequenta.A metodologia adoptada consiste na aplicação de um inquérito por questionário a alunos do ensino básico (3º ao 9º ano) do concelho de Odivelas. A amostragem é intencional: seleccionam-se turmas, diversificando os anos de escolaridade e o perfil social e académico dos alunos das mesmas. Análise estatística da informação será realizada com apoio do software SPSS.Caso se verifique a hipotética relação entre o sono e o desempenho escolar, equacionam-se actividades para divulgação dos resultados e de sensibilização para a importância do sono em idade escolar.
Informação do Projeto
2015-11-01
2016-10-30
Parceiros do Projeto
TEIP 3, Programa Ministerial de Apoio aos Territórios Educativos Prioritários
Trata-se de prestar assessoria a Agrupamentos de escolas inseridos nos territórios educativos de intervenção prioritária (TEIP) na sua 3º fase. As atividades são de índole muito diversificada e inserem-se no desenvolvimento dos Planos de Melhoria definidos por cada agrupamento de escolas. Os eixos de trabalho integram, nomeadamente: - a recolha e o tratamento de dados; - o apoio ao processo de monitorização e avaliação das ações em curso; - o apoio ao desenvolvimento de projetos de intervenção em curso nas escolas e - a implementação e acompanhamento de ações de capacitação dos diferentes agentes educativos presentes no território
Informação do Projeto
2015-09-20
2018-08-31
Parceiros do Projeto
Caminhos escolares de jovens africanos (PALOP) que acedem ao ensino superior
Principais objetivos da pesquisa: i) identificar a variação na presença (relativa) dos jovens estudantes no ensino superior português com origem nos PALOP (2001-2011); ii) comparar as probabilidades de um jovem com origem nos PALOP aceder ao ensino superior com as de um jovem autóctone na mesma condição social; iii) conhecer os trajetos de vida do “segmento” específico de jovens específicos com origem nos PALOP que, revelando desvantagens socioeconómicas de partida, acedem ao ensino superior, concretizando um percurso escolar de “contratendência” e iv) produzir recomendações para a promoção do acesso e sucesso escolar no ensino superior, mas também para a monitorização dessa realidade.     A pesquisa desenvolveu-se com recurso a uma abordagem multi-método. Numa vertente extensiva, contemplou a análise de diferentes fontes secundárias de dados estatísticos e na vertente intensiva, realizaram-se entrevistas biográficas a 17 jovens que, pertencentes a um “segmento” específico dos imigrantes e descendentes de imigrantes dos PALOP com condições socioeconómicas adversas de partida, realizaram trajetos de escolarização “bem-sucedidos” e ingressaram no ensino superior.
Informação do Projeto
2014-07-01
2015-06-30
Parceiros do Projeto
Sucess at School
Informação do Projeto
2012-12-01
2014-11-30
Parceiros do Projeto
Escolas que fazem melhor: o sucesso escolar dos alunos descendentes de imigrantes na escola básica
O objectivo central da pesquisa é o de apreender, através doconhecimento aprofundado das escolas (sua organização e funcionamento, clima organizacional, práticas e representações dos docentes), as especificidades escolares que contribuem para a diferenciação de resultados entre escolas, tendo como ponto de partida alunos com um perfil social semelhante. A pesquisa articulará, de forma complementar, uma componente extensiva-quantitativa e outra intensiva-qualitativa (estudo de caso múltiplo).
Informação do Projeto
2012-03-15
2014-03-14
Parceiros do Projeto
Avaliação de descentralização de competências de educação para os municípios
objectivos do estudo a avaliação:• Da implementação global das competências descentralizadas para os municípios;• Das principais dificuldades encontradas;• Dos principais benefícios;• Dos recursos humanos/físicos envolvidos;• Das eventuais reestruturações ocorridas no seio dos municípios.
Informação do Projeto
2011-06-20
2012-09-19
Parceiros do Projeto
Actividades de Desenvolvimento curricular (AEC): o caso da Alta de Lisboa
Este projecto tem como objectivo geral conhecer em profundidade o processo de transferência da gestão das AEC, nas escolas EB1 nº 34 e nº 91 do agrupamento do Alto do Lumiar, do Programa K’CIDADE para as duas associações de base local, APEAL e ARAL. Mais especificamente pretende-se avaliar de que forma esse processo concorreu para a concretização dos objectivos de aproximação entre a escola e a comunidade.
Informação do Projeto
2011-06-06
2011-09-30
Parceiros do Projeto
Estudo de Avaliação Externa do Projecto Nacional de Educação para o Empreendorismo
Propõe-se:  Levantamento e avaliação dos processos, produtos e resultados obtidos nas escolas que participaram na 1ª fase do projecto relativo ao Programa Nacional de Educação para o Empreendorismo; Identificar e analisar detalhadamente os melhores projectos identificados no ponto 1; produzir as indicações e recomendações do painel de especialistas e produzidos e entregues os materiais a serem disseminados a nível Nacional.
Informação do Projeto
2010-11-04
2011-01-04
Parceiros do Projeto
O impacto das turmas com Percursos Curriculares Alternativos no Ensino Básico e dos Planos de recuperação, de acompanhamento e de desenvolvimento no sucesso escolar
Trata-se de um estudo de impacto da implementação das turmas com Percursos Curriculares Alternativos (PCA) e dos Planos de Acompanhamento, de Desenvolvimento e de Recuperação no sucesso escolar dos alunos, realizado por solicitação da DGIDC do Ministério da Educação. O estudo integrou i) a caracterização nacional das turmas de PCA com a discriminação do contingente de turmas e de alunos envolvidos, o ano de escolaridade e respetivos resultados e ii) a realização de um conjunto de 16 estudos de caso, distribuídos pelas diferentes Direções Regionais de Educação (DRE).
Informação do Projeto
2010-05-01
2011-03-31
Parceiros do Projeto
In/sucesso escolar dos descendentes de imigrantes - Origens nacionais e condições sociais e escolares na escola básica portuguesa
O objectivo central da pesquisa é o de relacionar resultados escolares com um conjunto de variáveis de caracterização do aluno e da sua família no sentido de medirmos o efeito que produzem nesses resultados. Concretamente, pretende-se analisar os resultados obtidos nas provas nacionais do ensino básico (4º, 6º e 9º anos de escolaridade) considerando os efeitos, por um lado, do sexo, da naturalidade e da nacionalidade do aluno e, por outro, da condição de classe, da escolaridade, da naturalidade e da nacionalidade dos seus progenitores. Subsidiariamente, serão identificadas escolas com resultados dissemelhantes, tendo populações discentes muito semelhantes quanto à condição social e origem nacional das famílias dos alunos que as frequentam e exploraremos junto destas alguns aspectos do “efeito escola” (perfil de liderança, projecto educativo, organização das turmas e turnos) na produção do (in)sucesso.
Informação do Projeto
2009-09-01
2010-10-31
Parceiros do Projeto
Jovens Descendentes de Imigrantes e Futuro: Trajectórias Escolares e Orientações Profissionais no Finalizar da Escolaridade Obrigatória
Este projecto tem como objectivo equacionar de que modo as pertenças étnica, socioeconómica, e de género, por um lado, e a trajectória e situação escolar, por outro, se intercruzam e concorrem na definição das escolhas escolares e das orientações profissionais dos jovens das segundas gerações de imigrantes, no finalizar da escolariedade obrigatória.
Informação do Projeto
2006-11-01
2008-05-30
Parceiros do Projeto
Etnicidade, Trajectórias Escolares e Orientações Profissionais: jovens descendentes de imigrantes no finalizar da escolaridade obrigatória
Nas últimas décadas, o aumento da pressão migratória em Portugal e a sua crescente expressão demográfica e cultural tem constituído uma problemática de interesse e debate generalizado. Persiste, no entanto, um insuficiente conhecimento científico sobre as configurações e condições que caracterizam a presença deste segmento, heterogéneo do ponto de vista cultural, social e etário, na sociedade portuguesa. No campo da sociologia, carecem dados como aqueles que dizem respeito à composição social, aos processos de escolarização e trajectos dos jovens descendentes de imigrantes em Portugal. Projecta-se por isso, nesta pesquisa, a construção de um acervo de informação multidimensional e problematizadora que permita colmatar algumas das insuficiências constatadas.
Informação do Projeto
2005-08-01
2009-04-30
Parceiros do Projeto
Condições e Processos de Integração ou Exclusão dos Descendentes de Imigrantes na Escola: o Caso dos Caboverdianos e dos Indianos em Portugal
Comprender os processos de exclusão e inclusão escolar e social dos descendentes dos imigrantes e identificar e analisar as principais variáveis explicativas da diversidade dessas trajectórias escolares.
Informação do Projeto
2002-02-15
2005-07-30
Parceiros do Projeto